Presidente Marcelo Queiroz se reúne no TCU para tratar da relicitação do aeroporto Aluízio Alves 

 

O presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, participou de reunião, nesta quinta-feira (31), com representantes do Tribunal de Contas da União, em Brasília, para tratar do processo de relicitação do Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves. O encontro com a chefe de Gabinete, Karla Amâncio, e o assessor do Ministro Aroldo Cedraz, Paulo Guerra, é uma devolutiva de uma solicitação da Federação para tratar sobre o tema, enviada no início deste mês.  

 

A preocupação da Federação potiguar, que lidera este tema entre as entidades empresariais ligadas ao turismo, é a lentidão dos trâmites do processo de relicitação do equipamento ao Governo Federal. 

 

O ministro Aroldo Cedraz está com a relatoria do caso no TCU e analisará, entre outras questões, o valor da indenização a ser paga à Inframérica que será incluído no processo. O montante está sendo apurado por uma empresa verificadora independente. 

 

“Escutamos da equipe do TCU que o ministro Aroldo Cedraz está bastante sensível ao problema e empenhado em dar a celeridade possível ao processo, inclusive no que diz respeito ao pleito que foi o motivo da nossa provocação ao órgão. Mas precisam que cheguem ao TCU as informações relacionadas à indenização da atual concessionária, a cargo de empresa independente contratada pelo Ministério da Infraestrutura para apurar esse valor”, detalhou Marcelo Queiroz. 

 

O dirigente, que estava acompanhado do presidente da CDL Natal, José Lucena, e do diretor Executivo e de Relações Institucionais da Fecomércio, Laumir Barrêto, se comprometeu em envolver e mobilizar a bancada federal do RN, para que levem esse pleito de agilização das informações junto ao Governo Federal, via Ministério da Infraestrutura. 

 

Entenda o processo – Sobre o processo de devolução e relicitação do aeroporto internacional potiguar, há um entendimento que indica a necessidade de esperar o laudo final da verificadora, a fim de que se promova uma nova rodada de audiências públicas, para que, depois disso, o valor referendado por elas possa ser especificado no edital do futuro leilão. Somente após essa etapa, o documento seria avaliado pelos órgãos de controle, o que poderia levar o leilão a acontecer somente em 2023. 

 

Já o Ministério da Infraestrutura e a Fecomércio RN entendem que os dois processos – análise do edital e audiências públicas -, podem correr em paralelo. Se o relator e os demais ministros concordarem com esta posição, a relicitação poderá ser realizada no fim deste primeiro semestre de 2022. 

 

O presidente Marcelo Queiroz relembra que o processo de devolução do terminal norte-rio-grandense teve início em março de 2020 e esses processos tem impacto direto no turismo potiguar. 

Cristina Lira Turismo

Cristina Lira - graduada em Comunicação Social-Jornalismo pela Universidade de Brasília (UnB) é baiana e radicada em Natal (RN), com cidadania portuguesa. Trabalha há mais de 20 anos com o turismo e adora o que faz: escrever, viajar e prestar serviços de assessoria de imprensa no segmento. Em 2008, criou o blog www.turismocristinaliranatal.blogspot.com, um sucesso, que migrou para o site www.cristinalira.com (Turismo por Cristina Lira). "Desde 2011, organiza o Encontro dos Profissionais do turismo com Cristina Lira (RN), em Natal e que já aconteceu em 7 cidades do Brasil , em Portugal e na Itália. O evento reúne empresários, profissionais do turismo e jornalistas para um momento de aprendizado e network. O próximo pode ser em sua cidade!. Neste espaço divulga as news do turismo do Brasil e do mundo. Confira e mande sua sugestão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.