Centro de Convenções de Natal disputará prêmio nacional de sustentabilidade ambiental

Depois de implantar uma política voltada para oferecer descontos de 5% a 30% na locação de áreas para eventos que façam compensação de Carbono, o Centro de Convenções de Natal, localizado na Via Costeira, irá concorrer a uma premiação nacional – o Premio Caio – Categoria Sustentabilidade, lançado nacionalmente no ano passado, fruto da preocupação com o meio ambiente e com a responsabilidade social das empresas do segmento de eventos e turismo

O Prêmio Caio é uma realização da Revista Eventos e é gerido pela ABEVENTOS Academia Brasileira de Eventos (ABEVENTOS), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), Associação Brasileira dos Centros de Convenções e Feiras (ABRACCEF), Associação de Marketing Promocional (AMPRO), Confederação Brasileira de Convention & Visitors Bureaux (CBC&VB), EXPO Editores e União Brasileira de Promotores de Feiras (UBRAFE).

Administrado pela Cooperativa de Desenvolvimento da Atividade Hoteleira e Turística (COOHOTUR), o Centro de Convenções de Natal há anos desenvolve ações voltadas para a preservação do meio ambiente. Segundo o executivo Nailson Azevedo, diretor administrativo do equipamento, os coqueiros que haviam sido retirados da Via Costeira, por ocasião das obras de duplicação realizadas no local há anos, foram replantados na área do Centro de Convenções.

“Agora com o nosso projeto de incentivo aos eventos sustentáveis, voltados para a compensação de Carbono, exigimos uma maior utilização de transportes coletivos e não só de veículos individuais, que o lixo de embalagens seja recicláveis e que os móveis e utensílios seja produzidos a base de madeira tipo MDF e de palha de arroz. Além disso, solicitamos também o plantio de uma árvore nativa”, explica.

O Centro de Convenções de Natal está localizado no Parque das Dunas, primeira Unidade de Conservação Ambiental implantada no Estado do Rio Grande do Norte, possuindo 1.172 hectares de mata nativa, sendo parte integrante da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica Brasileira e que exerce uma grande importância para a qualidade de vida da população da cidade de Natal.

RESULTADOS

A ideia do Centro de Convenções de Natal de estimular a realização de eventos ecologicamente corretos já mostra resultados positivos, como o que está acontecendo no Congresso Internacional de Engenharia Mecânica, que segue até este dia 28, no equipamento, tendo como tema principal a “Engenharia Mecânica Verde”.

Em parceria com o Centro de Biociências da UFRN e a ECOSIN Soluções Ambientais, na última quarta-feira, dia 26, foi iniciada a plantação de 250 mudas de arvores nativas da Mata Atlântica, como Oiti, Angico e Ipê. A iniciativa, que faz parte do Plano de Minimização de Impactos Ambientais associados ao evento, contribui para a imagem de Natal como cidade sustentável, com reflexos favoráveis para o turismo e para a captação de eventos.

O Plano de Minimização de Impactos Ambientais tem como objetivo garantir a realização sustentável de eventos, reduzindo seus impactos ambientais, principalmente a emissão de gases causadores do efeito estufa e a geração de resíduos sólidos (lixo).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.