Presidido pelo Brasil, grupo de ministros do Turismo do Mercosul assina carta de intenções em prol do desenvolvimento sustentável do setor na região

Países se comprometeram a trabalhar a promoção turística conjunta, a facilitação do turismo em fronteiras e o aumento da conectividade aérea

Brasil, Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai assinaram nesta quinta-feira (23.11), na sede da Itaipu Binacional, no Paraná, a “Carta de Foz do Iguaçu”. O documento; produzido pelo Brasil, que preside o grupo de ministros do Turismo do Mercosul, reúne esforços integrados dos países vizinhos para desenvolver o setor na região, a partir de ações e iniciativas sustentáveis. As propostas da carta incluem a facilitação do trânsito de turistas nas fronteiras, a ampliação da conectividade aérea e a promoção turística conjunta em mercados internacionais, alinhada à marca “Visit South America”.

“A carta resume as principais deliberações desse encontro que debate, principalmente, o turismo de fronteiras e como vamos trabalhar em conjunto para melhorar e facilitar o acesso às nossas fronteiras. Também nos comprometemos com a promoção conjunta da marca Visit South America, a conexão aérea entre os países. Vários temas para impulsionar o turismo no Mercosul”, disse o ministro do Turismo do Brasil, Celso Sabino.

No campo da facilitação turística, os representantes dos países se comprometeram a continuar trabalhando o assunto no âmbito das Reuniões Especializadas de Turismo das Presidências Pro Tempore, que, até o fim do ano é de responsabilidade do Brasil. No próximo ano, o tema vai continuar entre as prioridades do grupo, que terá o Paraguai à frente.

A conectividade aérea também consta do documento. Conforme a Carta, medidas serão coordenadas junto a organismos nacionais competentes para facilitar novas ligações entre os países. A intenção é favorecer o aumento das frequências e a abertura de rotas aéreas intra e interregionais. Recentemente, o Ministério do Tursmo anunciou novas rotas aéreas internacionais, que incluem destinos na América do Sul como Argentina, Uruguai, Peru e Chile.

Sobre promoção turística, ficou acordado o incentivo a ações conjuntas de colaboração em feiras e outros eventos promocionais, bem como o desenvolvimento e a consolidação da marca “Visit South America”. Para isso, os líderes do turismo na região trabalharão diretamente e conjuntamente com a Mesa Executiva de Promoção Turística do Mercosul.

A subsecretária de Turismo do Chile, Verónica Pardo Lagos, ressaltou que os países do Mercosul possuem belezas naturais como as Cataratas do Iguaçu, a Amazônia e a Patagônia chilena e argentina, que cada vez mais atraem visitantes de outras regiões do mundo. “As pessoas querem conhecer as comunidades, a vida rural, a experiência, a gastronomia, o artesanato, a identidade local. Por isso, a única forma de poder mostrar isso para todo o mundo é trabalhando em conjunto”, sustentou.

INTEGRAÇÃO – Ainda durante a reunião, o ministro Celso Sabino sugeriu alocar estandes individuais dos países do Mercosul e estados associados próximos uns dos outros em feiras de turismo, medida também válida para entidades turísticas privadas e/ou públicas, com o objetivo de facilitar a promoção conjunta de destinos. Além disso, o acordo prevê a viabilização de espaço próprio nas feiras de turismo para divulgação da marca “Visit South America”, de modo a consolidar sua presença no mercado internacional.

BOAT SHOW – À tarde, o ministro Celso Sabino participou da abertura da Foz Internacional Boat Show, que acontece pela primeira vez no estado do Paraná. O evento tem o objetivo de desenvolver o mercado náutico e reforçar o potencial de Foz do Iguaçu – um dos principais atrativos turisticos do Brasil – na área. A feira reúne mais de 30 marcas expositoras e tem a expectativa de atrair mais de 15 mil visitantes ao local.

MERCOSUL – Fundado em 1991, o Mercado Comum do Sul (Mercosul) é a mais abrangente iniciativa de integração regional da América Latina, surgida no contexto de redemocratizagao e de reaproximação entre os paises da regiao no final da decada de 1980. O Mercosul é um instrumento de promoção da cooperação, do desenvolvimento, da paz e da estabilidade na Aménica do Sul.

Cristina Lira Turismo

Cristina Lira - graduada em Comunicação Social-Jornalismo pela Universidade de Brasília (UnB) é baiana e radicada em Natal (RN), com cidadania portuguesa. Trabalha há mais de 20 anos com o turismo e adora o que faz: escrever, viajar e prestar varios serviços no segmento. Em 2008, criou o blog www.turismocristinaliranatal.blogspot.com, um sucesso, que migrou para o site www.cristinalira.com (Turismo por Cristina Lira). "Desde 2011, organiza o Encontro dos Profissionais do turismo com Cristina Lira (RN), em Natal e que já aconteceu em 7 cidades do Brasil , em Portugal e na Itália. O evento reúne empresários, profissionais do turismo e jornalistas para um momento de aprendizado e network. O próximo pode ser em sua cidade!. Neste espaço divulga as news do turismo do Brasil e do mundo. Confira e mande sua sugestão!