Ministro inicia tratativas para estabelecer intercâmbio de formação no turismo entre Macau e Brasil



A ação faz parte do esforço brasileiro em qualificar o serviço turístico. Também está alinhado com o desafio da década traçado pelos líderes mundiais durante Fórum de Economia de Turismo Global (GTEF)
 

Qualificar cada vez mais os serviços e produtos para potencializar a ação do turismo no país. Com esse objetivo, o ministro do Turismo, Celso Sabino, iniciou tratativas com o Instituto de Estudos de Turismo de Macau (IFTM) para estabelecer programa de intercâmbio de profissionais e estudantes do setor que atuam no Brasil e em Macau, na China.
 

A ação está inserida no Programa de Qualificação Profissional do MTur e faz parte do esforço do governo brasileiro em ampliar a capacitação profissional na atividade turística para permitir o desenvolvimento de um turismo forte, com capacidade de contribuir ainda mais com a geração de riquezas, emprego e renda no país. “A qualificação é imprescindível para os nossos profissionais e a parceria com o IFTM será muito rica, principalmente com a estrutura e troca de experiências que o local oferece”, ressaltou o ministro.
 

O Instituto de Estudos de Turismo de Macau atua localmente desde 1995 com o objetivo de proporcionar uma formação de qualidade para profissionais da indústria do turismo, oferecendo cursos que abrangem gestão hoteleira, turismo, serviços relacionados à gastronomia e restaurante e culinária. O instituto atrai estudantes de diferentes partes do mundo e, atualmente, conta com cerca de 2.000 estudantes de mais de 30 países, sendo que os principais são: China, Portugal, Brasil, Angola, Coréia do Sul e Japão.
 

Fanny Vong, presidente do IFTM ressalta que a presença de estudantes estrangeiros no IFTM tem enriquecido o ambiente acadêmico e promovido a troca de experiências culturais. “Ficamos muito honrados. Sentimos que há realmente algo que poderíamos pensar em desenvolver no futuro, para podermos ter alunos do Brasil, porque também queremos mais alunos internacionais no Campus”, afirmou. O instituto oferece suporte especializado para esses estudantes, incluindo orientação acadêmica, serviços de apoio e atividades extracurriculares para promover a integração e a diversidade cultural.
 

GTEF – Investir em qualificação foi uma das metas traçadas por líderes, profissionais e autoridades do turismo para a próxima década durante o 10º Fórum de Economia de Turismo Global (GTEF), que acontece até sábado (23.09) em Macau, na China.
 

Com foco na atuação coletiva internacional, os participantes debateram sobre as oportunidades para promover a recuperação da economia global do turismo e garantir um ecossistema resiliente.
 

Um dos locais que já demonstra recuperação econômica após quatro anos de prejuízos causados pela pandemia da Covid é Macau, que foi destaque no Fórum pelo crescimento do turismo de lazer e de negócios. A cidade recebeu 11,6 milhões de turistas no primeiro semestre, contra 5,7 milhões ao longo de todo o ano de 2022.

Cristina Lira Turismo

Cristina Lira - graduada em Comunicação Social-Jornalismo pela Universidade de Brasília (UnB) é baiana e radicada em Natal (RN), com cidadania portuguesa. Trabalha há mais de 20 anos com o turismo e adora o que faz: escrever, viajar e prestar varios serviços no segmento. Em 2008, criou o blog www.turismocristinaliranatal.blogspot.com, um sucesso, que migrou para o site www.cristinalira.com (Turismo por Cristina Lira). "Desde 2011, organiza o Encontro dos Profissionais do turismo com Cristina Lira (RN), em Natal e que já aconteceu em 7 cidades do Brasil , em Portugal e na Itália. O evento reúne empresários, profissionais do turismo e jornalistas para um momento de aprendizado e network. O próximo pode ser em sua cidade!. Neste espaço divulga as news do turismo do Brasil e do mundo. Confira e mande sua sugestão!