A província argentina de Río Negro apresenta a sua oferta turística na WTM 2023O

A província argentina de Río Negro apresenta a sua oferta turística na WTM 2023O


A província argentina de Río Negro apresenta a sua oferta turística na WTM 2023O Governo da província de Río Negro, localizada na Patagônia Argentina, estará mais uma vez presente em São Paulo para promover seus destinos, na 10ª edição do World Travel Market (WTM) Latin America, a vitrine mais importante para a conexão turística entre Argentina e Brasil.Mais uma vez Río Negro participa da feira WTM que acontecerá na cidade de São Paulo de 3 a 5 de abril, com o objetivo de divulgar a ampla gama de destinos e atrações turísticas que esta província patagônica oferece ao mercado internacional e potencializar o já importante fluxo de turistas brasileiros que a escolhem ano após ano, principalmente na temporada de inverno e nos meses de primavera.É por isso que a promoção de Río Negro dará especial ênfase à divulgação de seus dois centros de esqui mais importantes: o Cerro Catedral em San Carlos de Bariloche, que é o maior da América do Sul, e o Cerro Perito Moreno em El Bolsón.Río Negro e os turistas brasileiros estão ligados durante todo o ano através de conexões aéreas, por meio do qual se busca promover não só a oferta turística da região da Cordilheira e seus destinos adjacentes, mas também as regiões Vale, Estepe e Mar, para que o turista também conheça essas regiões durante sua estadia.O ministro do Turismo e Esportes de Río Negro, Diego Cannestraci, assegurou que “o Governo de Río Negro prioriza os turistas do Brasil, convidando-os a viajar em vôos diretos de São Paulo para nosso destino turístico mais importante, Bariloche, com serviços aéreos diários durante o inverno e semanalmente nos demais períodos do ano. Voltamos a este país para dar continuidade a uma forte promoção que vem sendo realizada há várias décadas, oferecendo as experiências da província e da Patagônia”.Río Negro oferece experiências incríveis durante todo o anoA província de Río Negro, localizada na Patagônia argentina, se destaca por sua variada oferta turística nas quatro regiões, desde o mar até as montanhas, passando pela imensa estepe e seus encantadores vales que podem ser desfrutados em qualquer época do ano.CORDILHEIRA: Uma região majestosa cercada por montanhas, florestas e lagosA neve é um dos produtos mais identificativos do turismo do Rio Negro, o que torna a região da Cordilheira uma das mais movimentadas do país, com grande afluência de visitantes nacionais e estrangeiros, que é incrementada ano após ano pela forte conectividade aérea e pela diversidade de opções que esses destinos têm a oferecer.Nesse sentido, tanto San Carlos de Bariloche quanto El Bolsón abrigam duas das maiores estações de esqui da América do Sul. Um deles é o Cerro Catedral que, com seus 120 quilômetros esquiáveis, 32 teleféricos e pistas de obstáculos, pistas de cross-country e Snow Tubing, trenós e Skibunda, se transforma em um atrativo perfeito para toda a família desfrutar das brancas paisagens da colina nevada em Bariloche.Por sua vez, a 120 quilômetros de Bariloche, El Bolsón conta com o Cerro Perito Moreno, um local em pleno desenvolvimento, que atualmente conta com 23 quilômetros esquiáveis, um teleski inovador inaugurado no ano passado e uma ampla oferta de atividades tentadoras que incluem trenós e caminhadas em raquetes de neve, passeios que se somam a desfrutar da requintada gastronomia regional.No entanto, as atividades não se dão só no inverno, já que durante os meses quentes a oferta turística se transforma e atividades como caminhadas, trekking, ciclismo ou passeios no lago, imersos em uma natureza viva, colorida e florida que envolve o turista a cada passo, ampliando o leque turístico andino.Por outro lado, as atividades ao ar livre também estão na moda em Dina Huapi, um dos destinos emergentes do Rio Negro que se torna o espaço perfeito para a prática da pesca esportiva com mosca (Fly Fishing), já que é o local onde desaguam os rios Ñirihuau e Limay no Lago Nahuel Huapi , onde também se pratica kitesurf e windsurf. O ambiente também se presta a incríveis cavalgadas e mountain bike em trilhas que oferecem vistas espetaculares.Além disso, a Região é especialmente conhecida por seu profissionalismo no serviço hoteleiro e gastronômico disponível durante todo o ano, graças à sua magnífica culinária, que tem como protagonistas os produtos artesanais, tais como chocolates, alfajores e cervejas que se juntam ao cordeiro e à truta da Patagônia, dois animais especialmente criados na região, cujas carnes fazem parte dos cardápios de centenas de restaurantes. Também vale a pena mencionar que o enoturismo é uma das atividades que está crescendo na região, com uma vinícola que faz parte da Rota do Vinho e oferece os mais deliciosos sabores da viticultura aos pés do Cerro Piltriquitrón.VALE: Extensas fazendas floridas e coloridas esperam por você na região de produçãoUm dos principais atrativos dessa parte do território do Rio Negro são as visitas às vinícolas abertas ao turismo, que a cada dia surpreendem os visitantes pela beleza impressionante e pelo ambiente aconchegante que as cerca, entre as largas cercas e os imensos Rios Negro e Colorado que prometem sensações únicas e perfeitas para todos que visitam a província.Nesse sentido, a Rota do Vinho torna-se a atração perfeita. É um produto turístico constituído por uma dezena de adegas que se destacam pela sua antiguidade e tradição, e que oferecem passeios pelas vinhas com provas dos mais deliciosos vinhos tintos, brancos e espumantes, em instalações pitorescas, entre inesquecíveis pores do sol e paisagens incríveis.ESTEPE: Conheça o coração da província sobre trilhosO turismo ferroviário ganha cada vez mais espaço na agenda turística de Río Negro e a Estepe é a região mais identitária nesse sentido, com o centenário trem a vapor La Trochita, uma excursão noturna e o Trem Patagônico que oferecem diferentes alternativas para percorrer a região entre as amplas paisagens de estepe e envolto no calor de seus habitantes e na bela cultura sulista.Os passeios de La Trochita, uma antiga locomotiva à vapor, têm estado na moda nos últimos meses, graças ao grande número de visitantes e à continuidade dos passeios, que é cada vez maior. Cabe destacar que o emblemático trem foi distinguido com a Marca País do Ministério de Turismo e Esportes da Nação, o que permite que seja promovido pelo Governo Argentino em missões no exterior.Por sua vez, o Trem Patagônico circula todas as sextas-feiras de ponta a ponta da província, unindo o Oceano Atlântico à Cordilheira dos Andes, partindo da cidade de Viedma e chegando a Bariloche. Ao longo do caminho, a ferrovia circunda a Meseta de Somuncura, oferecendo vistas impressionantes em todos os momentos, enquanto percorre várias cidades da estepe e da costa maritima. Além disso, este trem oferece uma alternativa única para descobrir a natureza da fronteira entre a Região Andina e a Estepe sob o luar, saindo da Estação de Bariloche no final da tarde e percorrendo 30 quilômetros até chegar ao pitoresco terminal , onde os visitantes são recebidos com vinho quente e canapés, e depois saboreiam um “quincho”, uma espécie de churrascada rústica, um jantar típico da região.MAR: Região banhada pelas águas cristalinas do Oceano AtlânticoA costa no Rio Negro oferece uma infinidade de atividades para toda a família, com extensas praias que convidam a relaxar no verão e um grande número de impressionantes espécies marinhas e de aves que escolhem a área para construir seus ninhos e se reproduzir, tornando a Observação da Fauna Marinha e Costeira uma atividade que atrai turistas de todo o mundo, principalmente para ver as baleias que chegam às águas do Golfo de San Matías no inverno e permanecem até novembro; e também para ver as colônias de Papagaios-da-Patagônia e de Leão-marinho-da-patagônia, que estão entre os maiores do mundo.Além disso, a região contém praias para todos os gostos, desde muito concorridas e com todos os serviços como as de Las Grutas, assim como extensas praias virgens e paradisíacas que dão uma grande sensação de tranquilidade e paz. Nesse sentido, Playas Doradas é um destino emergente que atrai cada vez mais turistas.Por outro lado, a gastronomia é outro dos pontos fortes da região, com inúmeros restaurantes que oferecem um maravilhoso serviço profissional composto por pratos requintados preparados com ingredientes marinhos frescos e artesanais, como peixes e mariscos extraídos do porto de San Antonio Oeste.Por sua vez, outra das características da região e que está se tornando cada vez mais popular são as visitas às Salinas del Gualicho, um imenso oásis salgado de 35 quilômetros de largura e 18 quilômetros de comprimento que oferece caminhadas espetaculares por paisagens brancas e vistas únicas dos belos pores do sol que ocorrem no local. Mais informações: https://turismo.rionegro.gov.ar/

Cristina Lira Turismo

Cristina Lira - graduada em Comunicação Social-Jornalismo pela Universidade de Brasília (UnB) é baiana e radicada em Natal (RN), com cidadania portuguesa. Trabalha há mais de 20 anos com o turismo e adora o que faz: escrever, viajar e prestar serviços de assessoria de imprensa no segmento. Em 2008, criou o blog www.turismocristinaliranatal.blogspot.com, um sucesso, que migrou para o site www.cristinalira.com (Turismo por Cristina Lira). "Desde 2011, organiza o Encontro dos Profissionais do turismo com Cristina Lira (RN), em Natal e que já aconteceu em 7 cidades do Brasil , em Portugal e na Itália. O evento reúne empresários, profissionais do turismo e jornalistas para um momento de aprendizado e network. O próximo pode ser em sua cidade!. Neste espaço divulga as news do turismo do Brasil e do mundo. Confira e mande sua sugestão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.