Voos entre Salvador e Lisboa são retomados pela TAP

  • Reconexão entre dois aeroportos da rede VINCI Airports  
  • Dois voos semanais em abril e três em maio 
  • Sólida segurança sanitária 

No mês em que a companhia aérea TAP completa 43 anos desde o seu primeiro voo entre Salvador e Lisboa, a empresa retomou as viagens entre os aeroportos dessas cidades – ambos integrantes da rede VINCI Airports. Durante o mês de abril, estão previstas duas frequências semanais entre as duas capitais em dias variados. Esse número será ampliado para três no mês de maio.  As aeronaves chegam a Salvador e retornam a Lisboa às quartas, sextas e domingos. 
 
Em junho e julho as viagens serão ampliadas para, respectivamente, quatro e cinco partidas semanais, permitindo que brasileiros ou cidadãos europeus que estejam autorizados a entrar em Portugal possam aproveitar o verão do hemisfério norte.

Forte demanda 
A retomada aconteceu logo após o país europeu autorizar voos de passageiros provenientes do Brasil, o que demonstra a sólida demanda de tráfego a partir de Salvador. Além de atender os brasileiros residentes em Portugal e vice-versa, essa rota viabilizará a exportação e importação de produtos. A capital da Bahia responde sozinha por 18% do volume de carga transportada pela TAP no Brasil. 

“Esse retorno rápido da rota Lisboa-Salvador demonstra, mais uma vez, que essa ligação se sustenta para além do turismo”, afirma Marcus Campos, gerente de marketing e negócios aéreos do Salvador Bahia Airport. No ano passado, quando a entrada de estrangeiros no Brasil foi proibida por conta da pandemia, os voos da TAP também foram as primeiras operações internacionais a serem retomadas.  

Segurança sanitária 
A retomada do tráfego entre os dois aeroportos da rede VINCI Airports irá se beneficiar da segurança sanitária sólida. A campanha da VINCI Airports “Protegendo uns aos outros” – um conjunto de medidas sanitárias que está em conformidade com os mais altos padrões internacionais – foi implementada nos aeroportos de Salvador e Lisboa. Essas medidas de higiene foram certificadas por diversas agências e instituições, como o Bureau Veritas e o ACI (Conselho Internacional de Aeroportos).  

Requisitos 
A entrada em Portugal em está limitada a determinados tipos de viajantes, como cidadãos da União Europeia e estrangeiros com visto de residência no país. As especificações podem ser encontradas no site da Embaixada de Portugal no Brasil. Para ingressar no país é necessário apresentar no ato do embarque um teste RT-PCR negativo para Covid-19 feito com até 72h de antecedência do momento da viagem. Também será necessário fazer quarentena de 14 dias ao chegar no país. 
 
Sobre o Salvador Bahia Airport   
Localizado em Salvador, capital baiana e primeira capital brasileira, o Salvador BahiaAirport faz parte da rede VINCI Airports desde 2 de janeiro de 2018 através de um Contrato de Concessão com duração de 30 anos. Desde então, o aeroporto tem incorporado padrões globais de operação, buscando entregar mais eficiência, segurança e uma melhor experiência de viagem para os seus passageiros. Com este objetivo, foram realizadas obras de modernização e ampliação do terminal de passageiros, um investimento de R$ 700 milhões que ampliou sua capacidade em 50%, de 10 milhões para 15 milhões de passageiros ao ano.       
     
Apontado como o “Aeródromo Mais Sustentável do Brasil”, o Salvador Bahia Airport se destaca pelo seu pioneirismo em ações de preservação ambiental.  Norteado pela Air Pact, estratégia global da VINCI Airports, o aeroporto foi o primeiro do Brasil a reutilizar 100% da água consumida, a não dispensar resíduos sólidos para aterros sanitários e a ter uma usina solar – com 4,2 MW de potência. As ações do aeroporto para redução de emissão de carbono o levaram ainda a receber a Certificação de Acreditação em Carbono (ACA Certification)  pelo Conselho Internacional de Aeroporto (ACI). Mais informações podem ser encontradas no site www.salvador-airport.com.br ou nas redes sociais @salvadorbahiaairport.    

Sobre a VINCI Airports  
A VINCI Airports, a maior operadora privada de aeroportos do mundo, administra 45 aeroportos em 12 países na Europa, Ásia e nas Américas. Nós aproveitamos nossa expertise como um integrador abrangente para desenvolver, financiar, construir e operar aeroportos enquanto aproveitamos nossa capacidade de investimento e conhecimento em otimizar o desempenho operacional, modernizando infraestruturas e conduzindo a transição ambiental.  A VINCI Airports se tornou o primeiro operador aeroportuário a desenvolver uma estratégia ambiental internacional, em 2016, tendo em vista atingir a neutralidade de carbono na sua rede em 2050.   

Mais informações estão disponíveis em: www.vinci-airports.com @VINCIAirports https://www.linkedin.com/company/vinci-airports  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.