ÚLTIMAS APRESENTAÇÕES DO ESPETÁCULO “SONHOS DA PASTORINHA DIANA” EM GRAVATÁ

A cidade de Gravatá, no agreste de Pernambuco, ganhará neste Natal um espetáculo grandioso do renomado artista italiano Valerio Festi. A produção teatral “Sonhos da Pastorinha Diana” será encenada a partir do dia 16 de dezembro, no Parque Chucre Mussa Zarzar. Composta por 50 artistas brasileiros e italianos, entre acrobatas, bailarinos e atores, a peça tem como fio condutor a tradição do pastoril, uma representação folclórica da natividade, que está entre as mais importantes manifestações populares do Nordeste. O espetáculo, criado pelo artista Valerio Festi e dirigido pela dramaturga italiana Monica Maimone, é uma produção do Studio Festi, empresa que há 35 anos cria e produz eventos monumentais em mais de 200 cidades do mundo. A encenação de “Sonhos da Pastorinha Diana” em Gravatá vai até o dia 25 de dezembro e tem entrada franca.
Projetados pelo Artista Valerio Festi e realizados pela dramaturga Monica Maimone, os eventos do Studio Festi são fruto de uma experiência artística sem paralelo no mundo. Munidos de uma sólida formação histórica e artística, o Studio Festi possui uma capacidade única de interpretar, vivenciar e homenagear as diferentes culturas de cada país. Entre outros feitos, Valerio Festi assinou a abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno em Turim; o Campeonato Mundial de Natação, em Roma; a cerimônia de chegada da tocha Olímpica em Macau, na China; e a entrada do solstício de verão em São Petersburgo, na Rússia.
No Brasil, sua arte já ganhou projeção com o “Ensaio Sobre a Beleza”, espetáculo que, em outubro, abriu oficialmente o Momento Itália-Brasil, no Rio de Janeiro. E, no início de dezembro, Valerio Festi criou uma obra de arte de Arquitetura de Lua chamada Galeria de Luz para o Natal de Curitiba, montada na história rua XV de Novembro, com mais de 350 metros de extensão.

Agora é a vez da charmosa cidade pernambucana de Gravatá receber uma montagem monumental do Studio Festi. Situado a 80 km de Recife, o município é muito procurado no inverno, em virtude do seu clima ameno. Agora, em dezembro, os brasileiros terão mais um motivo para conhecer uma das cidades nordestinas que mais crescem com o turismo.
Em “Sonhos da Pastorinha Diana”, o artista Valerio Festi e a dramaturga Monica Maimone criaram um espetáculo que se apropria da tradição nordestina do pastoril. Diana, a intermediária entre os cordões de pastorinhas azul e encarnado, através do mundo dos sonhos, nos levará de mãos dadas às tradições populares de Pernambuco e festejar o Natal em Gravatá.

O Espetáculo “Sonhos da Pastorinha Diana” é uma impressionante produção na qual Valerio Festi encantará o público com a dança aérea, o teatro, a música, a narração histórica, máquinas cênicas de tirar o fôlego e vídeo projeções de última geração.
Ao todo, serão sete apresentações noturnas, gratuitas e ao ar livre. A peça fica em cartaz de 16 a 25 de dezembro, no Parque Chucre Mussa Zarzar, principal espaço de eventos da cidade.

Sobre o espetáculo “Sonhos da Pastorinha Diana”

Voando por cima do público, uma borboleta e um anjo entram em cena e desfazem o grande laço vermelho que envolve o palco. É meia-noite, hora da vigília de Natal. Como todas as crianças, Diana, com seu vestido metade vermelho, metade azul, tenta espiar o que há dentro das caixas de presentes, colocados em torno da árvore. A noite cai e, do lado de fora da janela, vê-se a lua, alta no céu. Dois bailarinos entram em cena, representando os dois cordões do pastoril. Um cortejo de estrelas desfila em meio ao público. Diana não consegue esperar e adormece dentro de uma rede, que a leva para o mundo dos sonhos. A menina vê passarem por ela personagens fantásticos, que lembram as histórias que seu avô lhe contava. Duas bailarinas, representando a Cigana e a Jardineira, dançam uma coreografia que desafia a lei da gravidade, como somente nos sonhos seria possível. A estrela do natal se acende no palco, iluminada por fogos de artificio. No céu, aparecem os primeiros raios de sol que anunciam a chegada do dia. Diana, que ainda está entre o sono e a vigília, ouve o badalar dos sinos que, juntos de bonecos típicos do artesanato nordestino, dançam diante dela. A emoção toma conta da cena. É o natal em sua plenitude. O pai de Diana lhe dá a permissão tão aguardada: ela pode abrir suas caixas, pois finalmente é Natal.

Sobre Valério Festi

A linguagem estética do diretor criativo Valerio Festi, que há 35 anos cria eventos culturais monumentais mundo afora, é referência no mercado internacional de arte e entretenimento. Entre outros feitos, o artista italiano assinou a iluminação natalina das Galerias Lafayette em Paris, a abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno em Turim, o Campeonato Mundial de Natação em Roma, a chegada da tocha Olímpica em Macau, a entrada do solstício de verão em São Petersburgo e a realização de um desfile de moda da grife Fendi, na Muralha da China, em Pequim. Durante os anos 70, quando os artistas de teatro buscavam formas inovadoras de expressão para escapar do provincianismo dominante na Europa, Valerio Festi elegeu a praça como seu palco. Nascido em Bolonha, ele estudou Ciência do Entretenimento na Universidade de Bolonha, fez experiências com novas formas de comunicação teatral, concebidas para envolver e emocionar o público. Remontando à poética e tradição renascentista e barroca, conjuga em seus trabalhos fantasia visionária e pesquisa teórica. Por meio do impacto de sua obra, os espetáculos adquirem um tom imperativo do ponto de vista estético. Seus eventos épicos para grandes massas, quase sempre a céu aberto, já foram encenados em mais de 200 cidades, entre as quais Paris, Moscou, Madri, Tóquio, Hong Kong, Praga, Reykjavík, Houston, Milão, Bogotá, Pequim, Lisboa, Bilbao, Sidney, Toronto e Turim. A arte de Valerio Festi é realizar projetos ao ar livre para ocasiões festivas e comemorativas. Espetáculos, arquiteturas de luz, concertos de fogos de artifício sincronizados com música, criação de fantásticas máquinas cênicas são algumas de suas marcas registradas.

Sobre o Studio Festi

O Studio Festi é uma grife no mercado internacional de arte e entretenimento. Cria eventos culturais únicos, monumentais, com linguagem estética e poética que se tornou uma referência no mundo. A abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno em Turim; o Campeonato Mundial de Natação em Roma; a chegada da tocha Olímpica em Macau, na China, a entrada do solstício de verão em São Petersburgo, na Rússia, estão entre as grandes produções do Studio Festi. Projetados por Valerio Festi e realizados pela dramaturga Monica Maimone, os eventos são fruto de uma experiência artística sem paralelo. Munido de sólida formação histórica e artística, o Studio Festi interpreta, vivencia e homenageia as diferentes culturas de cada país. Seus espetáculos comunicam, por meio de experiências visuais e emotivas, imagens visionárias do futuro e antigas memórias da História. No Brasil, o Maestro Festi foi seduzido pela fantástica e complexa diversidade cultural, a alegria e o desejo de celebrar de seu povo. Deslumbrar o público brasileiro se tornou seu desafio, sua nova paixão. Em 2010, abriu uma oficina criativa em São Paulo e instalou o Studio Festi de forma permanente no país, tem como missão a formação e especialização de artistas e técnicos brasileiros no mundo dos grandes eventos mundiais.

Espetáculos e Instalações do Studio Festi
Paris (França), Robe de Lumière

Após a primeira experiência pioneira de 2000, as arquiteturas de luz de Valerio Festi instaladas nas fachadas das Galerias Lafayette tornaram-se, desde então, um ícone do Natal parisiense, sendo admiradas por milhões de pessoas.

Kobe (Japão), Arquitetura de Luz
A cada ano, Valerio Festi cria uma instalação que presta uma homenagem às milhares de vítimas do terremoto que atingiu Kobe, em 1995. O tributo, que teve início no ano da tragédia, tornou-se parte integrante da cultura e da tradição da cidade.

Turim (Itália), Do Renascimento ao Barroco
Em 2006, em meio à cerimônia de abertura das XX Olimpíadas de Inverno de Turim, Valerio Festi encenou um espetáculo grandioso, inspirado na cultura e na estética do país, do Renascimento ao Barroco. O evento apresentou a Itália a uma audiência mundial de bilhões de telespectadores, sendo recordado como uma pedra miliar da idealização de espetáculos voltados para um público internacional.

Roma (Itália), Festa de Verão
No dia do solstício de verão, uma festa popular reúnem milhares de pessoas na Piazza del Popolo, desde 2007. No evento, maquinários de espetáculo, danças na vertical e em voo, vídeos e efeitos pirotécnicos emocionam o público.

Munique (Alemanha), Munich Revue
Para celebrar os 850 anos da fundação da cidade, Valerio Festi criou uma cavalgada fantástica ao longo da sua história. O espetáculo foi visto por mais de 250 mil pessoas e foi o ponto culminante de três meses de festividades. A Bayerischer Rundfunk transmitiu o evento ao vivo para toda a Alemanha.

São Petersburgo (Rússia), O Sonho de Assol
Espetáculo na praça do Palácio de Inverno e ao longo do Neva, por ocasião da Scarlet Sails, tradicional festa na noite do solstício, quando um milhão de pessoas festejam o verão até o alvorecer.

SONHOS DA PASTORINHA DIANA

FICHA TÉCNICA:
Direção Artística: Valerio Festi e Monica Maimone
Dramaturgia: Francesco Fiaschini
Diretor Criativo: Roberto Rebaudengo
Coreografias: Elisa Barrucchieri
Coreografias aéreas: Brigitte Morel e Yves Morotti
Vídeo Projeções: Matthias Schnabel
Diretor Musical: Gianni Morelenbaum Gualberto
Diretor de produção: Alessandra Rossetti
Produção: Ione Alves
Coordenação artística: Davide Veneri e Serena Martucci
Diretora de marketing: Isabela Sanchez
Direção Técnica: Daniele Cappelletti con Gabriele Dall’Osto
Iluminador: Jathyles Miranda
Coreógrafos assistentes: Wanderson José e Rosivânia Pereira
Cenógrafos: Giorgio Regina e Sarita Sassi
Figurinista: Nilson Lourenço
Roteirista: Maria Cristina De França Rocha
Atores: Tallyta Cumys (Diana) e José Martins (Velho)
Artistas: Brigitte Morel, Yves Morotti, Annabelle Kern, Serge Helias, Bruno Uytterhaeghe, Yannick Bastian, , Beatriz Soares dos Santos; Bruna Raphaela Nascimento Silva; Carla Danielle Lima Medeiros; Cintia Michele; Cirlanny do Nascimento Silva; Daffany Luana dos Santos; David Willyam; Flavia Campos da Silva; Francisco Pedro da Silva; Hewerson Batista de Oliveira; Iracele Gomes da Silva; Isabel Lùlia; Jéssica Nayara Lima; Jonathan Anderson; Luis Martins de Oliveira; Maria Ione; Meury Kelme; Leonardo Pereira da Silva; Maisa Batista Cavalcanti de Almeida; Rafaela Maria de Medeiros; Rosalba Pereira da Silva; Sheila Tavares Leite Soares; Wanderson José.
Técnicos: Lorenzo Cappelletti, Ludovico Pignatti, Karim Galo, Francesco Panelli, Giacomo Malvezzi, Daniele Rosone, Andrea Bertoli.

O espetáculo “Sonhos da Pastorinha Diana” conta com o patrocínio da Secretaria de Turismo do Estado de Pernambuco e do Banco Bradesco.

SERVIÇO:
Dias 22, 23, 24 e 25 de dezembro de 2011
Horário: às 19 horas
Duração: 90 min.
Classificação livre
Entrada franca
Local: Parque Chucre Mussa Zarzar
Avenida Joaquim Didier, S/N. – Gravatá – PE
Mais informações pelo telefone: 31828356

fotos- Divulgação Setur-PE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.