Sebrae/RS investirá R$ 3,8 milhões na região Sul do Estado nos próximos três anos

Plano de trabalho para 2012/2015 será apresentado a lideranças locais nos dias 8 e 9 de novembro

Entre 2012 e 2015, o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Rio Grande do Sul (Sebrae/RS) investirá R$ 3,8 milhões na região Sul do Estado através de ações e projetos. O valor faz parte do plano de trabalho para os próximos três anos, que será apresentado a lideranças empresariais de Pelotas e Rio Grande durante reuniões nos dias 8 e 9 de novembro, respectivamente, das 8h30min às 10h30min. Na primeira, o encontro será na nova sede da entidade (rua Felix da Cunha, 616). A reunião em Rio Grande ocorrerá na unidade de atendimento do Sebrae (rua Riachuelo, s/nº – armazém 3 do Porto Velho).

A previsão de investimento compreende seis projetos coletivos setoriais das áreas de agronegócio, indústria e comércio e serviços, além do atendimento individual e das ações dos programas nacionais. Este último inclui o Territórios da Cidadania, que beneficiará mais de 3 mil micro e pequenas empresas em 25 municípios, e o Programa ALI (Agentes Locais de Inovação), que pretende atender 150 MPEs nos municípios de Pelotas, Rio Grande, Capão do Leão e São José do Norte. A Regional Sul do Sebrae/RS é composta por 33 municípios do Sul e Centro Sul do Estado.

Conforme a gerente da Regional Sul, Rosani Boeira Ribeiro, a entidade definiu o Plano Plurianual (PPA) 2012/2015 a partir das prioridades estratégicas, relacionadas a vocações locais e à importância dos setores para a economia do Estado. “Levamos em consideração, também, a densidade empresarial de determinado setor na região, ou seja, a quantidade de micro e pequenas empresas que poderão ser beneficiadas por aquele projeto. Levantamentos feitos junto às entidades empresariais e demais instituições também se somam aos critérios de escolha”, detalha.

A gerente explica que a reunião com lideranças locais visa ampliar as parcerias em prol das empresas e do desenvolvimento regional. “O engajamento de todos faz com que cada projeto seja potencializado, ampliando os benefícios aos pequenos negócios, promovendo o desenvolvimento sustentável e gerando mais emprego e renda”, resume Rosani.

A regional Sul do Sebrae prestou 2.931 consultorias entre janeiro e outubro deste ano. No mesmo período, ofereceu 148 cursos,177 oficinas, palestras e seminários, apoiou 21 missões e caravanas e seis feiras. O objetivo da entidade, agora, com a nova sede – inaugurada no começo do mês de novembro – é ampliar o atendimento para 100 empreendedores por dia, além de poder realizar três atividades simultâneas por turno, colocando mais conhecimento à disposição de quem deseja abrir ou melhorar seu negócio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.