Rodada de negócios fomenta a interiorização do turismo no RN

 Estimular o turismo regional é parte do Plano de Governo da professora Fátima Bezerra e integra as estratégias de retomada das atividades do turismo no Rio Grande do Norte, neste cenário de pandemia. E para aproximar os hotéis e pousadas, situados na capital e principalmente no interior, de agências de viagens, e incentivar a criação de pacotes turísticos para dentro do território potiguar, a Secretaria do Turismo (Setur), a Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur), a Associação Brasileira de Agências de Viagens do RN (ABAV) e o Sebrae promoveram, nesta quarta-feira (09), a primeira rodada virtual de negócios entre as empresas que possuem a chancela do selo RN+Protegido.
 
A iniciativa marca a conclusão de um longo trabalho iniciado logo após a suspensão das atividades do setor, quando Estado e empresariado uniram esforços para planejar a retomada, tendo a biossegurança e interiorização do turismo como focos. “Nós planejamos esta ação para mostrar o RN para o RN, durante dois meses realizamos reuniões semanais e foram selecionados os municípios com maior potencialidade turística. Este trabalho culminou com a realização da rodada de negócios de hoje. O objetivo é que os agentes de viagens que estavam habituados a vender outros estados, agora passarão a incluir os destinos do Rio Grande do Norte em suas prateleiras de vendas”, destacou Kayo Feitosa, subgerente de Promoção Regional da Emprotur.
 
Nesta primeira rodada de negócios participaram vinte empresas entre  meios de hospedagem, agências de turismo e receptivos. A proposta da rodada de negócios é estabelecer um elo entre os dois segmentos do setor e fomentar pacotes de viagens que possam ser desfrutados com segurança pelos potiguares, fortalecendo a interiorização do turismo, ampliando a geração de negócios nessa cadeia produtiva.
 
Saúde e segurança são prioridades na retomada das atividades na indústria do turismo e são diferenciais na escolha do destino. Por isso, ter o Selo Turismo + Protegido foi requisito básico para participar da rodada de negócios. A certificação é concedida pelo Governo do Estado aos estabelecimentos que cumprem as normas e protocolos de segurança sanitária para preservar a saúde dos visitantes, funcionários e os demais públicos envolvidos na cadeia produtiva.
 
Para Michelle Pereira, presidente da Associação da ABAV, esta ação representa um importante marco na aproximação entre as agências de viagens e os meios de hospedagem locais. “Esta foi a primeira de muitas rodadas de negócios, resultado da parceria Setur, Emprotur, Abav e Sebrae. Foi extremamente positiva pois nos possibilitou mostrar a importância da agência e do agente de viagens e estreitar as relações comerciais com os fornecedores e fortalecer cada dia mais o turismo regionalizado”.
 
O Sebrae/RN é um dos realizadores da ação, além de encampar a capacitação das empresas e profissionais para o recebimento do selo do RN. “Garantir o cumprimento dos protocolos de biossegurança é fator essencial para a retomada de atividades econômicas que ofertam serviços. O Sebrae continuará como parceiro realizando as capacitações para que o maior número de empresas estejam devidamente licenciadas, promovendo o RN como destino seguro”, ressaltou o diretor técnico do Sebrae/RN, João Hélio Cavalcanti.
 
A hoteleira, Ana Sonehara Muller, elogiou as medidas de incentivo e planejamento criadas durante este momento de pandemia. “O Rio Grande do Norte tem mostrado seriedade e compromisso com o turismo. A união de todos foi fundamental. Estado, prefeituras e o empresariado buscando construir soluções coletivamente. Iniciativas como a rodada de negócios e a criação do programa Turismo Cidadão, são alguns exemplos muito positivos”, enfatizou a representante do setor.
 
“A primeira experiência foi muito exitosa, essa aproximação comercial entre as agências e empresas é um start para este novo momento que vivenciamos. Chegou a hora de promover a regionalização do RN”, reforçou a empresária Decca Bolonha e vice-presidente do Sindicato das Empresas de Turismo do RN (Sindetur).
 
Após essa aproximação comercial, será gerado um catálogo de oportunidades com as informações de todos os participantes para que possam estabelecer as negociações.
 
Safe Travels  Stamp e selo Turismo+Protegido
 

O Estado foi o primeiro do Brasil a receber o selo. A iniciativa mostra ao Brasil e ao mundo o empenho do RN em se adaptar aos protocolos globais de segurança sanitária, colocando o Estado em posição de destaque no cenário turístico regional, nacional e internacional. Além de oferecer mais confiança e credibilidade aos viajantes na hora de escolher o destino.

Para garantir o cumprimento dos protocolos, a secretaria do Turismo do RN criou o selo Turismo+Protegido, que promove capacitação do trade turístico potiguar, padronização dos protocolos de segurança e ainda o monitoramento semestral para sua manutenção.

Construído com base em estudos e padrões sanitários recomendados nacional e internacionalmente, o selo surge em uma plataforma digital disponível online. No site www.turismoprotegido.rn.gov.br, as empresas podem dar início ao processo de credenciamento e os viajantes podem conhecer as empresas credenciadas com base no destino de interesse e preparar um roteiro seguro para a visita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.