Renato Fernandes palestra na aula inaugural de policiamento turístico



O secretário de Estado do Turismo, Renato Fernandes foi o palestrante da aula inaugural do 4º Curso de Capacitação de Policiamento Turístico, ocorrido na manhã desta segunda-feira (4), no Hotel Vila do Mar.
O curso é iniciativa própria do comando de policiamento da Polícia Militar, celebrado em convênio com a Secretaria Extraordinária de Segurança para grandes eventos (secretaria criada para preparar as instituições de segurança pública para competições de alto nível, como a Copa da Fifa e as Olimpíadas). O evento também tem o apoio da SeturRN.
Renato Fernandes abriu a palestra reforçando o conceito de que a cidade boa ao turista é, antes, uma cidade boa para o cidadão. O secretário mencionou ainda a transversalidade do setor, responsável por abarcar outros segmentos, a exemplo da educação, da saúde e da segurança, e ressaltou a importância da qualificação profissional.
“Dados mostram que 67% do turista que visita o RN, voltam. Mais do que o binômio sol e mar, temos um povo acolhedor, receptivo. Nosso maior patrimônio, como dizia Cascudo, é o potiguar. Se os outros nos escolhem é porque temos diferenciais. Por isso, temos o dever de nos apresentarmos bem”, disse o secretário.
A SeturRN tem trabalhado neste que será dos maiores legados deixados pela Copa da Fifa 2014: a qualificação profissional. Além deste curso de policiamento turístico, a Secretaria tem coordenado, via Pronatec, a promoção de cursos de qualificação voltados ao turismo. Apenas ao setor de Segurança Pública são sete turmas da PM, duas turmas da Guarda Municipal de Natal, duas turmas da Polícia Rodoviária Federal, e uma da Polícia Federal, cada uma com aproximadamente 30 alunos.
“Nesta Copa de 2014, Natal receberá 25 mil jornalistas, 400 emissoras de TV e perspectiva de sermos assistidos por quatro bilhões de telespectadores – cerca de metade da população mundial. Não conseguiríamos recursos para custear uma mídia planetária durante 30 dias. Por isso, esse trabalho de qualificação profissional serve para nos apresentarmos bem para este público”.
Renato Fernandes frisou ainda o trabalhado da Secretaria para a interiorização do turismo potiguar, e concluiu enaltecendo a iniciativa dos policiais em se autocapacitarem. “O poder, na época medieval, era de quem possuía terras. Depois, com a revolução industrial, o poder passou a quem tinha dinheiro. Hoje tem poder quem tem informação, conhecimento. Então, parabéns pela iniciativa e conte com a Setur para quaisquer outros apoios”.
O curso de policiamento turístico terá duração aproximada de um mês. Serão 170 horas/aula, de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h. São 28 alunos inscritos, entre policiais militares do RN, dois militares da Paraíba, além da participação da Guarda Municipal de Natal. As aulas serão realizadas no IFRN Campus Cidade Alta.
Durante a solenidade inaugural do Curso, a mesa foi composta pelo coronel e comandante geral da Polícia Militar, Francisco Canindé de Araújo; pelo diretor de ensino da PM, Edilson Fidélis; pelo comandante do policiamento metropolitano, tenente-coronel Ulisses; pelo comandante do policiamento da Guarda Municipal, João Gilderlan; e pelo comandante da companhia independente de turismo do RN, major Rodrigo Trigueiro.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.