Reabertura de hotéis na Pipa anima empresários e cuidados são reforçados contra novo coronavírus



Após o decreto que regulamentou a reabertura gradual do comércio e empreendimentos, os empresários na praia da Pipa, um dos principais destinos turísticos do Rio Grande do Norte, se mostraram animados após o primeiro fim de semana com a volta dos serviços.

Além disso, nas redes sociais, muitos comentários destacavam os cuidados seguindo os protocolos de saúde e sanitário especificados para a prevenção ao novo coronavírus. A higienização já acontecia desde a chegada de funcionários e hóspedes bem como nos locais de acomodação, restaurante.

Isso tem acontecido em empreendimentos que são associados ao Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Rio Grande do Norte (SHRBS-RN). O gerente geral do Hotel Marinas, Eduardo Simonetti disse que conseguiu lotar o empreendimento “dentro dos protocolos de segurança, ou seja, 50% da ocupação. Mas foi tudo muito tranquilo o que nos deixou bastante satisfeitos com nossa equipe”.

Ele comentou que a preocupação de alguns hóspedes quanto ao protocolo de saúde chamou atenção. “Estamos cumprindo todas as medidas e usando álcool gel, máscaras, luvas, protetor facial além de aferir a temperatura e temos também o oxímetro (aparelho usado para medir a saturação de oxigênio no sangue e a frequência cardíaca)”, afirmou.

Para a gerente geral do Bosque da Praia, Quinta do Rio e Sibaúma Flats, Marina Brito, os turistas colaboraram e respeitaram o distanciamento social e o uso de máscaras, inclusive nos empreendimentos.

Segundo ela, foi percebido que todos os empreendimentos que abriram as portas tiveram o cuidado de seguir as recomendações com os protocolos e limite de ocupação.

Diante disso, os empresários estão bem animados com os próximos fins de semana e assim, aos poucos, irem retomando – dentro das recomendações do decreto – o funcionamento e a ocupação dos empreendimentos localizados em Pipa e na região de Tibau do Sul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.