Pesquisa da Fecomércio RN aponta alta de 37% nas intenções de compras dos natalenses para o Dia dos Namorados 2021, com ticket médio de R$ 122 por presente

Em Mossoró, levantamento apurou ticket médio semelhante (R$ 121) e também uma boa disposição dos consumidores para ir às compras  

Depois de registrar queda de quase 33% nas intenções de compras em 2020, em relação a 2019, o Dia dos Namorados 2021 deve registrar um aumento de quase 37% (36,8%) nas intenções de compras, para esta que é a segunda melhor data do ano para o comércio, em Natal. De acordo com pesquisa do Departamento de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DEES) da Fecomércio RN, 45,7% dos natalenses devem ir às compras agora, contra 33,4% registrados no ano passado. 

A maior parte dos entrevistados que farão compras é de homens (50%); com idade entre 35 e 44 anos (51%); com ensino superior ou mais (53,1%) e renda familiar de 5 a 10 salários mínimos (73,2%). Eles presentearão as (os) esposas (os) no dia 12 de junho com apenas um presente (79,9%). Entre os 54,3% que não pretendem presentear, a maioria (50,6%) alega “falta de dinheiro”, “necessidade de poupar”, “desemprego” e “contas em atraso”. 

Os itens mais procurados entre os consumidores da capital devem ser as roupas (34,3%) e os cosméticos (21,9%). E o que deve fazer diferença na hora da decisão da compra devem ser os preços competitivos e as boas promoções (50,7%); e a marca do produto (34,3%). 

Outro índice que deve aumentar no Dia dos Namorados 2021 em relação ao ano passado é o ticket médio: R$ 122,45 contra R$ 109,16, o que representa um aumento de 12,2%. O levantamento aponta ainda que 69,7% das pessoas planejam gastar entre R$ 51 e R$ 200. Além disso, 48,2% pagarão as compras utilizando o cartão de crédito (parcelado ou vencimento); seguidos dos que comprarão à vista em dinheiro (36,5%). 

Com relação ao local de compra, 39,4% afirmaram que vão comprar nas lojas de shoppings; 31% no comércio de rua; e 21,9% desejam comprar pela internet. Com base no estudo do DEES, 25,9% do público que vai às compras informou já ter comprado o presente ou que pretendia comprar cerca de 15 dias antes da data. Entre os que ainda não haviam comprado, 73,4% demonstraram interesse em comprar depois de pesquisar os preços (68,6%), na semana que antecede a data, ou seja, entre os dias cinco e onze de junho. 

A maioria (64,3%) dos entrevistados na pesquisa relatou que não pretende realizar comemoração especial no dia 12 de junho com seu par. Mesmo assim, a data não passará sem uma comemoração para boa parte (35,7%) dos consumidores que estão em um relacionamento, e 19,2% estão se programando para fazer um jantar em casa. 

Mossoró 

Já em Mossoró, 45,8% das pessoas entrevistadas pretendem presentear neste Dia dos Namorados, praticamente o mesmo percentual verificado na capital. Entre as que não irão presentear em 2021, as principais alegações são falta de dinheiro, a intenção de poupar, o desemprego, e as dívidas e contas em atraso, com 58,7% das respostas. Como em 2020 a pesquisa não foi feita em Mossoró, não há base de comparação na cidade do Oeste potiguar. 

O gasto médio com os presentes será de R$ 121,51, com itens que custam entre R$ 51 e R$ 200 (71,6%). Esposos (as), com 69,1% das intenções, e namorados (as), com 22,2%, devem ser as pessoas mais presenteadas. Os itens de vestuário (42,6%) e cosméticos (18,3%) também devem ser os presentes mais procurados na capital do Oeste. 

Com relação à forma de pagamento dos presentes do Dia dos Namorados, os consumidores mostraram preferência pelo pagamento em dinheiro (41,9%). A pesquisa apontou ainda que o comércio de rua é indicado pelos consumidores mossoroenses como o principal local de compra, preferido por 48,5% dos entrevistados, sendo que 31,4% vão optar por locais que ofereçam melhores níveis de preços. Após fazer pesquisa de preços (64,6%), 74,7% dos consumidores pretendem ir às compras na semana que antecede a data. 

A pandemia faz com que muitos dos casais mudassem os planos para o Dia dos Namorados, e cerca de 71% dos consumidores mossoroenses revelaram que não irão realizar nenhum tipo comemoração especial neste ano. Dos 28,4% que vão comemorar, 14,6% irão fazer um almoço ou jantar em casa. 

Foram entrevistadas 1.100 pessoas (600 em Natal e 500 em Mossoró), entre os dias 12 e 20 de maio de 2021, por meio de ligações telefônicas, em virtude da pandemia. 

Acesse o link e veja os dados completos das pesquisas de Intenções de Compras para  Dia dos Namorados 2021: https://fecomerciorn.com.br/pesquisas/ 

Cristina Lira Turismo

Cristina Lira - graduada em Comunicação Social-Jornalismo pela Universidade de Brasília (UnB) é baiana e radicada em Natal (RN), com cidadania portuguesa. Trabalha há mais de 20 anos com o turismo e adora o que faz: escrever, viajar e prestar serviços de assessoria de imprensa no segmento. Em 2008, criou o blog www.turismocristinaliranatal.blogspot.com, um sucesso, que migrou para o site www.cristinalira.com (Turismo por Cristina Lira). "Desde 2011, organiza o Encontro dos Profissionais do turismo com Cristina Lira (RN), em Natal e que já aconteceu em 7 cidades do Brasil , em Portugal e na Itália. O evento reúne empresários, profissionais do turismo e jornalistas para um momento de aprendizado e network. O próximo pode ser em sua cidade!. Neste espaço divulga as news do turismo do Brasil e do mundo. Confira e mande sua sugestão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.