Monte Verde vai sediar sua 1ª Exposição Especializada do Cavalo Mangalarga Marchador

 
Evento ocorrerá entre 24 e 27 de agosto; MOVE é uma das realizadoras; são esperados cerca de 160 animais da raçaMangalarga marchador, do Haras Fortaleza Faraco, um dos apoiadores do evento em Monte Verde

Foto: Divulgação/Núcleo Bandeirantes
 O distrito de Monte Verde, no Sul de Minas, se prepara para sediar sua 1ª Exposição Especializada do Cavalo Mangalarga Marchador. O evento, organizado pelo Núcleo Bandeirantes, acontecerá de 24 a 27 de agosto, é o primeiro a ser realizado neste novo ano hípico (julho a julho) e já conta como classificatória para a 40ª Exposição Nacional, que será realizada em 2023. A MOVE (Agência de Desenvolvimento de Monte Verde e Região) é uma das realizadoras da exposição.
 “Monte Verde foi escolhida porque, além de ser um distrito extremamente charmoso, fica no Sul de Minas, berço do mangalarga marchador, e próximo de muitos criadores”, explica Gabriel Köhn Passos, gerente executivo do Núcleo Bandeirantes. O Núcleo Bandeirantes é o 2º melhor núcleo do país, segundo o ranking de núcleos da ABCCMM (Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador), entre os mais de 50 núcleos ativos.
 “Para nós, é uma honra receber um evento desse porte e abrir as portas do nosso destino turístico, também como referência em criação de mangalarga marchador”, afirma Rebecca Wagner, presidente da MOVE.Estão aptos a participar do evento todos os animais devidamente registrados conforme regulamento da ABCCMM e que tenham a partir de 39 meses e um dia para os animais adultos, e 15 meses e um dia para os animais jovens. São esperados, aproximadamente, 160 animais da raça. Em exposição, são julgados três quesitos: marcha, morfologia e prova funcional.
 Além da MOVE, o evento será realizado em parceria com a Prefeitura de Camanducaia e apoio do Haras Fortaleza Faraco, Haras Adê, Meio Rural e Pousada Rohsler.
 Sobre a MOVEEntidade associativa, apartidária e sem fins lucrativos, a MOVE (Agência de Desenvolvimento de Monte Verde e Região) foi criada no início de 2020 para promover o desenvolvimento econômico sustentável e ético do distrito de Monte Verde, polo turístico que pertence ao município de Camanducaia (MG), tornando-se referência no país. A agência atua com o objetivo de fortalecer e dar voz ao empresariado, a fim de potencializar a vocação turística local sob os seguintes escopos: hotelaria, comércio, receptivos, alimentação, ambiental, social, industrial, esportivo, artístico e cultural. Tem, ainda, como valores, a participação da sociedade na tomada das decisões e o cuidado e a valorização da paisagem e da cultura local. Atualmente, com mais de 150 associados, a MOVE apoia e oferece auxílio estratégico a empresas, ao poder público e à comunidade para o enfrentamento de desafios comuns; identifica, fomenta e divulga oportunidades de investimentos; promove novos negócios e parcerias; apoia, produz e viabiliza eventos turísticos na região; e promove turismo diversificado e economia de alternativas para negócios sustentáveis.
 

Cristina Lira Turismo

Cristina Lira - graduada em Comunicação Social-Jornalismo pela Universidade de Brasília (UnB) é baiana e radicada em Natal (RN), com cidadania portuguesa. Trabalha há mais de 20 anos com o turismo e adora o que faz: escrever, viajar e prestar serviços de assessoria de imprensa no segmento. Em 2008, criou o blog www.turismocristinaliranatal.blogspot.com, um sucesso, que migrou para o site www.cristinalira.com (Turismo por Cristina Lira). "Desde 2011, organiza o Encontro dos Profissionais do turismo com Cristina Lira (RN), em Natal e que já aconteceu em 7 cidades do Brasil , em Portugal e na Itália. O evento reúne empresários, profissionais do turismo e jornalistas para um momento de aprendizado e network. O próximo pode ser em sua cidade!. Neste espaço divulga as news do turismo do Brasil e do mundo. Confira e mande sua sugestão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.