Hotelaria e Turismo do Estado debatem retomada

Ações priorizadas para aumentar a taxa de ocupação dos hotéis em SP

A ABIH-SP promove Webinar com a presença da Secretaria Estadual de Turismo de São Paulo, no próximo dia 16 de junho, terça-feira, a partir das 16 horas. Iniciativa vai reunir Manoel Linhares, presidente da ABIH Nacional (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis); Ricardo Andrés Roman Jr., presidente da ABIH-SP, que serão debatedores. E Vinícius Lummertz, secretário Estadual de Turismo de SP, o palestrante convidado.

Como e quais ações serão feitas para aumentar a taxa de ocupação dos hotéis no Estado de São Paulo? Qual é a previsão para o turismo retomar o desempenho do pré-COVID-19? Sabemos que o Turismo Regional será priorizado de início, mas quais medidas deveremos adotar para abreviar o processo? Essas e outras questões compõem o temário do evento.

“A hotelaria requer um plano estratégico e calendário de ações para retomada progressiva das receitas turísticas e dos empregos no setor, a partir de medidas que tragam de volta hóspedes de outros estados e a realização dos eventos que já haviam sido registrados em 2019”, destaca Roman Jr.

Para Manoel Linhares, presidente da ABIH Nacional, o Brasil está aos poucos se estabelecendo diante do “novo” normal e esperando a reabertura do setor. “No ramo do turismo, acertado em cheio pelo Coronavírus, há consenso de que a normalidade nas rotas internacionais acontecerá apenas com a descoberta da vacina contra a COVID-19. Enquanto isso, a volta das viagens a lazer terá de ser doméstica e quanto mais perto de casa, melhor. As tendências apontam viagens curtas, incremento do turismo familiar e de pequenos grupos, na sua maior parte feitos através do modal rodoviário. O valor médio da diária naturalmente diminuirá, mas vamos ter que adaptar a nossa oferta”, comenta Linhares.

A pauta do Webinar, elaborada em conjunto, contemplará questões pontuais e objetivas sobre a retomada da hotelaria. Entre elas, a criação de um Dashbord simples, que contenha de quatro a cinco indicadores mensais, capaz de referenciar o desenvolvimento sustentável do setor. Indicadores monetários, para sinalizarem a retomada da receita turística, e sociais, a geração de empregos, são exemplos que, de acordo com a ABIH-SP, devem ser publicados em todas as mídias do trade e em todos os sites das associações do setor de viagens e turismo.

Além de debater questões diretamente relacionadas à taxa de ocupação, diária média e iniciativas promocionais cooperadas, a pauta do evento contemplará as vantagens logísticas do Estado de São Paulo, que conta com malha rodoviária bem resolvida e favorável a deslocamentos de curta e média distância.

Trata-se de oportunidade para participação de todos os atores, direta e indiretamente, envolvidos com a indústria da hospitalidade, “certamente, uma das mais impactadas pelos efeitos da pandemia”, conclui Roman Jr. Para participar, basta se inscrever no link: https://bit.ly/30sIuLB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.