Boa Viagem

Informativo digital do mundo do turismo

Notícias

Gravatá, um destino ímpar em Pernambuco

Por que Gravatá!.. Há dois anos estive em Gravatá , cidade serrana há 50 minutos do Recife, levando um primeiro press trip (viagem de imprensa com a finalidade de  divulgar, promover um destino e seus atrativos, ou seja uma viagem de familiarização) e achei Gravatá, uma cidade especial com potencial para divulgar e descobrir mais ainda o que está por trás da cidade que tem seus encantos em suas ruas, casarios, sua gastronomia, seu povo, sua riqueza natural, entre tantos outros.
E assim Gravatá (PE) foi escolhida. Neste segundo press trip, passamos por Olinda, cidade histórica, patrimônio da humanidade, e fomos recebidos no restaurante Patuá pela equipe da Empetur, que nos abraçou de peito e alma, primeiro com sua apresentação sobre o destino, depois com a deliciosa comida do restaurante, comandada pelo chef… Agradeço a Leticia, Maria Cláudia e Vanessa Garmes  da Empetur .Os jornalistas convidados tiveram o prazer de visitar Olinda, apreciar o artesanato e ficar com vontade de “quero mais”…  Assim Pernambuco, um destino que investe no turismo, seja do sol e mar, de negócios, de lazer, de aventura, de festas tradicionais, de turismo cultural, de turismo gastronômico, entre tantos outros.
Depois chegando a Gravatá, fomos vendo a quantidade de restaurantes na entrada da cidade, cada um com seu toque chamativo, desde da fachada até o nome, mostrando que a cidade tem uma boa comida, para não dizer uma excelente gastronomia. Final do dia chegamos a Villa Hípica resort, e fomos recebidos pelo diretor geral, José Roberto La Greca.   Fizemos o check in e cada um foi para o  seu quarto. Cada quarto grande, com uma cama de casal e uma cama de solteiro e de ótimo tamanho, além de uma mesinha para notebook e uma tv e toda infra -estrutura para atender o mais exigente dos hóspedes, e a vista não podia ser deslumbrante, de frente ao lago.  
Com FAP- pensão completa, os jornalistas de Natal, João Pessoa e Fortaleza, desfrutaram de quinta a domingo da deliciosa gastronomia do chef de Gravatá, que mostrava a variedade de pratos da cozinha regional e internacional..   Do café da manhã ao jantar, comida farta e gostosa. 
Gravatá, de fácil acesso, clima agradável que nas noites mais frias, dá para tirar aquele casaquinho do armário. Uma cidade turística .Pólo gastronômico , turismo ecológico e de aventura,grandes eventos e mais de 20 mil casas chamadas de segunda residência, a cidade pode se dizer privilegiada.  Hoje são mais de 3.200 leitos que formam a cidade hoteleira: chalés, pousadas, hotéis, spa e resort.  A cidade tem mais de 80 equipamentos entre bares, hotéis, cafés, chocolaterias e restaurantes. Todos esses sabores ganham destaque no festival gastronômico que a cidade realiza em meados do segundo semestre.
Nos períodos de grandes eventos como Semana Santa e São João, a cidade chega a receber  mais de 100 mil visitantes. E sem falar no Natal Iluminado, com uma espetáculo único realizado pela companhia italiana Studio Festi, que em 2011 estreou com o Natal das pastorinhas e em 2012 trouxe o tema “A Luz do mundo”. O primeiro ano Natal com as pastorinhas foi um sucesso.Neste ano em seu terceiro ano, com certeza será maior ainda.
Por coincidência estivemos no final de semana, justamente no período da festa da Estação, onde foram realizadas na cidade eventos em função da festa, desde show com cantores da terra, até convidados nacionais, como Jorge Aragão, levando o público a toda animação na praça pública, prestigiada pelo prefeito Bruno Martiniano e seu staff. O grupo dos jornalistas também foi cumprimentado pelo prefeito.
Um passeio inesquecível em Gravatá, é visitar o Mercado municipal e ao lado a feira. O mercado limpo, com uma infra-estrutura boa, com várias lojinhas de comida, cada um oferecendo seu diferencial e na praça principal música para todos, uma idéia que várias cidades poderiam copiar. Aos sábados pela manhã é a pedida. E nas terças a noite, é o point da cidade.
O museu do carro antigo, “Sonho de Criança” é um passeio imperdível.  Uma cidade cenográfica, praça da alimentação e alguma relíquias , do gordini ao impala, ao tanque de guerra do exército, um convite ao prazer visitar este museu que pertence a um empresário da cidade, que sempre teve o sonho de ter um carro quando criança     


Durante a semana, leiam aqui noticias sobre Gravatá.. Em breve tudo sobre o Villa Hípica resort

Galeguinho de Gravatá
 

 Piscina do Villa Hípica resort

 O grupo recepcionado por José Roberto la Greca e Henrique Timóteo com Thamires Ferreira, Thiago Moura e Fernanda Tavares da secretaria de turismo de Gravatá

 cartola deliciosa do restaurante Patuá em Olinda

*Agradecimentos a Martur turismo, em especial a Marcos, Krish Lino e Oséas

 Secretaria de Turismo de Gravatá, aos profissionais: Thiago Moura, Fernanda Tavares e Thamires Ferreira. E  Patrick que não esteve presente, mas ajudou bastante.
A jornalista e blogueira Valéria de Fátima
 
Agradecimento especial a Henrique Timóteo, diretor comercial do Villa Hípica resort e ao diretor geral do Villa Hípica , José Roberto La Greca. 
 
 
 

´

Boa Viagem