Descubra por que a Nova Zelândia é o destino ideal para seu intercâmbio

 

Veja 3 curiosidades do país, com base na Revista EI!, iniciativa da Associação Brasileira de Agências de Intercâmbio(Imagem: Unsplash)

Capacitar os estudantes para os desafios do futuro em um mundo marcado pela mudança constante é fundamental para preparar cidadãos globais. Isso é um dos destaques de Aotearoa Nova Zelândia, um destino ideal para um intercâmbio. O país é reconhecido por ser acolhedor e por ter ações de olho no futuro, e se destaca pela qualidade de seu ensino. Conhecida também por sua por uma população que tem respeito à natureza e por apresentar paisagens deslumbrantes. O nome Aotearoa, que significa ‘Terra da Longa Nuvem Branca’, guiou os navegadores até o país encantador.
 

Segundo a Pesquisa Selo Belta 2024, “Poder realizar o sonho de conhecer países e culturas diferentes” está na 1ª posição entre os objetivos para a participação em um intercâmbio. A Aotearoa Nova Zelândia é o lar de pouco mais de cinco milhões de pessoas, onde valores como inclusão, igualdade e diversidade podem ser vistos em todos os lugares, incluindo o incentivo para que pessoas de diferentes culturas compartilhem suas origens, uma sociedade com um forte espírito inovador.

Por ser considerada um dos países mais pacíficos do mundo, os estudantes podem explorar os pontos turísticos da Nova Zelândia e conhecer as belas paisagens e encantos das ilhas Norte e Sul. “O intercambista pode contar com experiências dentro e fora da sala de aula. É muito fácil explorar o país de forma tranquila, utilizando diversos meios de transporte, como avião, balsas, trem e carro. Os estudantes podem optar por morar com famílias anfitriãs ou em centros estudantis. No programa Work and Study, por exemplo, os estudantes de inglês podem trabalhar até 20 horas por semana durante o período letivo e em tempo integral (40 horas semanais) durante os feriados e nas férias de verão, de acordo com o curso escolhido”, explica Alexandre Argenta, Presidente da Belta (Associação Brasileira de Agências de Intercâmbio).

Para quem pretende estudar inglês na Nova Zelândia, a boa notícia é que o Brasil tem um acordo de isenção de visto com o país. Os estudantes não precisam obter um visto para cursos de curta duração, de até três meses. É necessário apenas obter uma autorização eletrônica. 

O país oferece vários formatos para o aprendizado do idioma: curso de inglês geral, preparação para exames de proficiência, inglês e trabalho, inglês para fins acadêmicos, inglês para fins específicos e avaliação pathway (APA).

Para o intercambista Marcio Strumello, que fez parte da graduação na Aotearoa Nova Zelândia, foi um período muito enriquecedor. “Eu gosto muito de falar dessa época. Tive muitas experiências legais na Nova Zelândia, principalmente devido ao ambiente multicultural. Fui muito bem acolhido na University of Auckland, recebi apoio para me adaptar às aulas em língua inglesa, havia uma estrutura de suporte aos alunos internacionais. Cheguei a ter uma aula na universidade com uma documentarista premiada internacionalmente. O conhecimento que adquiri naquela época eu uso até hoje no trabalho como editor-chefe de jornalismo e diretor de programas. Sou muito grato pelo período que passei na NZ”, ressaltou Marcio, Jornalista.

Neste contexto, Argenta cita 3 curiosidades sobre a Nova Zelândia para quem tem interesse em fazer um intercâmbio:

1- Décimo país mais alegre do mundo segundo o World Happiness Report de 2023;

2- Quarto lugar no mundo em progresso social nas áreas de saúde, segurança, educação, direitos e oportunidades segundo o Social Progress Index de 2020;
 

3- São três idiomas oficiais: inglês, Mãori e Língua Neozelandesa de Sinais.

Além desses programas, o aluno pode optar por outros, como High School e Ensino Superior, nas melhores universidades. Receba a Revista EI! Educação Internacional, edição 2024, na sua casa e saiba mais sobre a Nova Zelândia e sobre assuntos do universo de intercâmbio, incluindo depoimentos de estudantes. Clique aqui!

Sobre a Belta

Criada há mais de 30 anos, a Belta – Associação Brasileira de Agências de Intercâmbio — visa promover a educação internacional no país. Como única associação das Agências de Intercâmbio do Brasil que oferece programas para todo o mundo e sem fins lucrativos, tem como foco certificar com o Selo Belta agências confiáveis no setor, por meio de um processo cuidadoso de análise financeira, técnica e idoneidade das agências. Atualmente, as agências especializadas Selo Belta representam 70% do mercado de educação internacional no Brasil, tendo cerca de 500 pontos de venda em todo o Brasil, 62 associadas colaboradoras que são associações internacionais de instituições de ensino de idiomas, universidades e redes de escolas internacionais, assim como prestadores de serviços afins ao segmento. A qualidade dessas empresas é atestada pelo Selo Belta, oferecendo credibilidade no Brasil e no exterior. A Belta tem prêmios acumulados ao longo desses anos, entre eles, o prêmio internacional STM Awards, considerado o Oscar do segmento de intercâmbio. Foi a primeira associação de agências de intercâmbio que, após receber 5 vezes essa premiação, alcançou o hall da fama. Conheça mais, aqui!

Rolar para cima