Comissão discutirá situação do estábulo dos dromedários em Jenipabu

Uma comissão foi formada para discutir a questão do estábulo dos dromedários em Jenipabu. O diretor geral do IDEMA, Marcelo Toscano reuniu-se na manhã de hoje (15) com representante da empresa Dromedunas, o secretário adjunto da Secretaria Estadual de Turismo, Luiz Eduardo Bulhões, o secretário de Turismo de Extremoz, Fernando Bezerril e representantes de entidades ligadas ao turismo e da comunidade.

Ficou decidido na reunião que uma comissão composta pela Superintendência do Patrimônio da União (SPU), Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), IDEMA, Secretaria Estadual de Turismo, Secretaria de Turismo de Extremoz, Associação Brasileira da Indústria Hoteleira (ABIH/RN) e da comunidade irá analisar as possibilidades de relocação do estábulo. Para isto, o IDEMA está providenciando mapas da área para facilitar a identificação das áreas passíveis de ocupação. Esta comissão vai se reunir na segunda-feira (22), às 15h, na sede do IDEMA.

A reunião de hoje, conforme explicou o diretor do IDEMA, foi para ouvir a empresa Dromedunas. “É de interesse do Governo do Estado que os dromedários permaneçam no Rio Grande do Norte. Este processo é da SPU, mas esperamos contribuir para resolução da questão, inclusive com a disponibilização de técnicos que irão analisar o processo de licenciamento ambiental da atividade.”, ressaltou Marcelo Toscano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.