Brasil entra na rota internacional do turismo médico

Especialista de países como Canadá, EUA e Inglaterra vêm ao Brasil para analisar parcerias de negócios durante o maior evento de turismo médico do país

A escolha do Brasil para sediar a próxima Copa do Mundo de Futebol e as Olimpíadas de 2016 gerou grande interesse de investidores estrangeiros no Brasil e a área de saúde é uma das que mais prometem crescimento nesse período.
De acordo com a organizadora do principal evento de turismo médico do país, o Medical Travel Meeting Brazil, Mariana Palha, o turismo médico brasileiro deve crescer 35% nos próximos cinco anos. “Os eventos esportivos vão gerar melhorias na infraestrutura, como aeroportos e rede hoteleira e meios de transporte, o que influenciará diretamente este segmento do turismo”, explica Mariana.
A 2ª edição do Medical Travel Meeting Brazil – pioneiro no país na geração de oportunidades de negócios para operadoras de saúde, brokers e facilitadores internacionais – reunirá os líderes do segmento no Brasil e no mundo para apresentar e discutir avanços na estruturação da atividade. O MTMB também terá a presença de diversos profissionais dos mercados nacional e internacional e os principais players e compradores do segmento.
Entre os confirmados nomes como Arthur Porter, diretor geral do McGill University Health Center, de Montreal, no Canadá, Greg Lindsay, jornalista e palestrante que aborda temas como inovação e o futuro das cidades, além da presença de representante do Ministério da Saúde de Angola e outros convidados da América do Sul e Europa. “Reuniremos os players mais importantes do setor em nível mundial e apresentaremos os avanços da nossa medicina para líderes internacionais que fomentam esse segmento em países estratégicos. Também teremos novidades como o visto de saúde, a Plataforma Brazil Health, uma rede global de players do setor e o Fórum de Discussão Setorial, que reunirá representantes de entidades médicas como, por exemplo, CRM, CFM, Anahp, entre outros”, acrescenta Mariana.
O mercado de turismo médico movimenta US$ 60 bilhões por ano, segundo dados da OMS – Organização Mundial da Saúde. O Brasil tem um grande potencial de crescimento no setor. De acordo com o Ministério do Turismo, o turismo médico atrai cerca de 31 mil pacientes por ano ao Brasil. Segundo Mariana, entre as especialidades médicas mais procuradas, estão cirurgia plástica e odontologia. “Queremos incentivar a ortopedia, medicina esportiva, cardiologia, cirurgia bariátrica e reprodução assistida”, acrescenta.

Sobre o Medical Travel Meeting Brazil
Com a presença confirmada do Ministro da Saúde, Alexandre Padilha e Secretário Municipal de Saúde, Januário Montone, acontecerá nos dias 29 e 30 de agosto no Sheraton WTC, em São Paulo, a 2ª edição do Medical Travel Meeting Brazil, evento pioneiro no país na geração de oportunidades no segmento de turismo de saúde para operadoras, brokers e facilitadores internacionais. Paralelo ao evento acontecerá o 1º Congresso Brasileiro de Spas, com a participação de autoridades e empresas líderes no segmento.

O MTMB 2011 contará com lideranças nacionais e internacionais e renomados profissionais da área de saúde que discutirão em uma rica programação o segmento de turismo médico no país – que deve crescer 35% em 5 anos – abordando assuntos como a demanda do mercado internacional, as novidades e soluções na inserção no mercado global, as oportunidades de investimento no mercado brasileiro, o lançamento oficial da Associação Brasileira de Medical Travel e da Plataforma Brazil Health.com, que reúne os principais players do setor em um só portal, a regularização do visto de saúde, entre outros assuntos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.