Boa Viagem

Informativo digital do mundo do turismo

Notícias

Bolsa de Turismo de Lisboa -BTL 2023 que começa nesta quarta-feira (01) na FIL vai receber 120 hosted buyers de 26 mercados emissores, destacando a grande representatividade de países europeus, Canadá, EUA, Brasil e continente asiático

Cristina Lira -Qual a expectativa da BTL 2023?

Dalia Palma -A BTL é um local de inovação, conhecimentos, experiências e trocas de ideias. Esperamos não só oferecer iniciativas como também contribuir para soluções que possam ajudar o sector do turismo a crescer. Esperamos que os participantes consigam alcançar os seus objectivos, e que a BTL continue a ser uma referência para o mundo dos negócios, dos pontos de vista B2B e B2C.  

Por outro lado, acho importante referir que apesar de que em 2022 a BTL tenha regressado à normalidade e ter sido das melhores edições que já assistimos, a verdade é que só este ano é que o turismo está a regressar aos valores pré-pandemia, e tal facto temos vindo a comprovar com o desenvolvimento desta edição. Estamos certos de que esta edição será para celebrar e mostrar o melhor de Portugal e do mundo.  

Cristina Lira- Quantos expositores estão previstos?

Dália Palma- Posso dizer que já temos cerca de 100% do espaço de exposição ocupado, o que é sem dúvida um número superior àquele registado no ano anterior. Estamos confiantes que vamos ultrapassar o número de expositores.  

Cristina Lira- Quantos hosted buyers e de quais países?

Dália Palma- A BTL promove a qualidade das suas parcerias, pelo que quando escolhemos os hosted buyers continuamos a apostarem buyers qualificados. É, por isso, uma mistura entre novos players e operadores que já trabalham connosco. Este programa é construído em parceria com a TAP e o Turismo de Portugal. Em 2023 vamos ter 120 hosted buyers de 26 mercados emissores, destacamos a grande representatividade de países europeus, Canadá, EUA, Brasil e continente asiático. Vamos apostar na retoma de alguns destinos que até então mantinham algum nível de restrições ou até mesmo estavam fechados, como é o caso do continente asiático, por exemplo.

Cristina Lira -Qual será a novidade deste ano?

Dália Palma – Uma das novidades, e que nos deixa muito orgulhosos, é a criação do segmento LGBTI+. A BTL tem no seu ADN espelhar o mercado do sector turísticos, e desta forma podemos ir mais além e continuar a desenvolver o nosso trabalho no âmbito da promoção de inclusão, celebrando a diversidade e identidade inerentes à feira e a todos os participantes. Simultaneamente, como evoluímos e acompanhamos as tendências a nível internacional e nacional, sentimos que temos de dar destaque às empresas para promoverem as suas ofertas neste segmento.  

A BTL 2023 irá promover a representatividade da oferta turística do destino nacional. No que respeita à vertente internacional, este ano a novidade e o país convidado é a Tunísia. Estamos muito entusiasmados. Quando se fala na Tunísia, temos de ter em conta que é um destino de eleição para os portugueses. Desta forma é uma escolha pensada de modo a responder a esta necessidade e preferência.  

Esta 33ª edição também a BTL Cultural com o objetivo de continuar esta aproximação com os venues culturais do sector do turismo. Ao nível da inovação, temos, também, um espaço dedicado às start-ups e às empresas que promovem e apoiam a transição digital do negócio no sector do turismo

Cristina Lira- Qual a expectativa de público?

Dália Palma- Nossa expectativa é sempre superar os resultados do ano anterior, este ano não será diferente. O ano passado, devido à pandemia e ao ambiente de incerteza que se fazia sentir, foi natural haver avanços e recuos, contudo já podemos dizer que essas situações estão ultrapassadas.  


A conjugação das iniciativas dinamizadas pelas regiões nacionais e pelos destinos internacionais com as campanhas promovidas pelas agências e pelos operadores resultam num produto único e autêntico, que coloca em evidência as diferentes culturas e a oferta dos mais diversos destinos e que faz da BTL um momento único e que se transforma na “Grande Montra” do sector do turismo em Portugal

A programação está disponível no site da BTL. Para além dos expositores pode encontrar os horários das palestras que irão acontecer em cada palco.  

Cristina Lira- Como gestora da feira, qual o maior desafio?

Dália Palma- O maior desafio é, continuar a cada edição, a superar as expectativas daqueles que fazem da BTL a paragem obrigatória para alavancar o seu negócio, ampliar o seu network e escolherem o seu próximo destino de férias.  


Cristina Lira - graduada em Comunicação Social-Jornalismo pela Universidade de Brasília (UnB) é baiana e radicada em Natal (RN), com cidadania portuguesa. Trabalha há mais de 20 anos com o turismo e adora o que faz: escrever, viajar e prestar varios serviços no segmento. Em 2008, criou o blog www.turismocristinaliranatal.blogspot.com, um sucesso, que migrou para o site www.cristinalira.com (Turismo por Cristina Lira). "Desde 2011, organiza o Encontro dos Profissionais do turismo com Cristina Lira (RN), em Natal e que já aconteceu em 7 cidades do Brasil , em Portugal e na Itália. O evento reúne empresários, profissionais do turismo e jornalistas para um momento de aprendizado e network. O próximo pode ser em sua cidade!. Neste espaço divulga as news do turismo do Brasil e do mundo. Confira e mande sua sugestão!
Boa Viagem