BOA NOTÍCIA PARA O TURISMO: Ministério do Turismo vai liberar mais de R$ 8 milhões para obras da estrada de Pipa

A governadora Rosalba Ciarlini conseguiu, na primeira visita que fez ao novo ministro do Turismo, Gastão Vieira, nesta quarta-feira, 09, a liberação de R$ 4,1 milhões para o andamento das obras da estrada de Pipa, município de Tibau do Sul.

O ministro afirmou que a prioridade do governo são obras estruturantes. “E essa e uma obra estruturante”, reconheceu Gastão, assegurando que, além dessa parcela, será liberada outra no mesmo valor, com a apresentação da conclusão de uma nova etapa da rodovia onde o governo federal já investiu R$ 1,9 milhão. “Apresentando a medição dentro dos critérios do Ministério, os recursos vão ser liberados imediatamente”, garantiu o ministro.

“Pipa é um dos principais destinos do nordeste do Brasil”, argumentou a governadora Rosalba Ciarlini, entusiasmada com o compromisso do ministro com a estrada de Pipa que é uma das prioridades do governo e apoio à Costa Branca, que tem entre os principais projetos, a duplicação da estrada Mossoró/Tibau e a construção da ponte Areia Branca/Grossos, bem como estradas interligando o litoral potiguar. “Recebemos do ministro sinal verde para melhor dotar o nosso litoral com obras de infraestutura para o turismo do nosso Estado”, ressaltou a governadora.

A obra de Pipa esta orçada em 45 milhões e estava parada por falta de recursos federais, desde julho.

Copa 2014 – Durante a audiência, o ministro anunciou que Natal foi escolhida para ser a primeira sede da Copa do Mundo a ter convenio com o Ministério do Turismo para capacitação profissional em línguas estrangeiras. O governo federal vai fazer parceria com o governo estadual na preparação da mão-de-obra, principalmente da rede hoteleira, ofertando cursos de inglês e espanhol.

Rosalba estava acompanhada do ministro da Previdência, Garibaldi Filho; deputado Felipe Maia, secretario estadual de turismo, Ramzi Elali e Demetrio Torres, diretor do DER e secretário extraordinário da Copa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.