As chances do turismo durante e após a Copa de 2014


Um grupo do Sindicato dos Hotéis, Bares e Restaurantes (SHRBS/RN), representantes da ABIH-Nacional, empresários e hoteleiros assistiram, na manhã desta sexta-feira (13), palestra sobre a relação do turismo e o Arena das Dunas. O vice-presidente da Emprotur, Alexandre Mulatinho, e o diretor do Consórcio da Arena das Dunas, Charles Maia, mostraram os benefícios, as oportunidades e o legado a ser deixado em razão da Copa de 2014.
Após a reunião, o grupo visitou as obras da Arena. Os presidentes do SHRBS e da ABIH Nacional, Ramzi Elali e Enrico Fermi, presentes na palestra, asseguraram expor a maquete eletrônica e física do Complexo da Arena das Dunas no hall dos hotéis filiados ao Sindicato. “Fiquei encantado em visitar as instalações da Arena e em constatar que Natal tem um equipamento de primeiro mundo para a realização de grandes eventos de porte mundial com a chegada da Arena das Dunas”, constatou Henrico Fermi.
Para além de um moderno complexo esportivo, o Arena das Dunas é dotado de estrutura flexível a vários tipos de eventos: shows nacionais, internacionais, workshops, espetáculos culturais e eventos de lazer. Os palestrantes ressaltaram que após a Copa de 2014, o Rio Grande do Norte estará aberto para eventos de grande porte, fortalecendo o turismo e a economia local, fomentando a geração de emprego e renda.
Mulatinho chamou a atenção para o foco nos quatro jogos programados para o Arena das Dunas: “Natal será sede do segundo jogo da Copa, também o segundo jogo da chave encabeçada pela seleção brasileira, no Grupo A. O mundo estará de olho neste jogo, sobretudo o brasileiro, interessado em ver a performance de dois dos três adversários do Brasil na primeira fase. Por isso a importância de trabalhar a organização e focar na divulgação”.
Além deste segundo jogo do evento, agendado para 13 de junho, Natal sediará também jogos nos dias 16 de junho (do grupo G), 19 de junho (grupo C) e outra partida importante, em que uma seleção campeã mundial e cabeça de chave do grupo D, estará em campo. “São 20 mil jornalistas na cobertura da Copa. A expectativa da Embratur é de 7,2 milhões de turistas, e Natal deve herdar entre 10 e 15% dessa visitação”, chamou a atenção Mulatinho.
O vice-presidente da Empresa de Promoção de Turística (Emprotur) – representando o Governo do Estado e a Secretaria de Estado do Turismo – ressaltou o trabalho do Governo do RN durante as edições da Goal to Brasil. Este projeto da Embratur promove encontros brasileiros em países estrangeiros para divulgar as cidades-sede da Copa. A Setur/Emprotur esteve presente em todas as cinco edições, sendo anfitriã na edição de Milão, na Itália, no último mês de fevereiro.
Legado
Durante a palestra também foi mostrado o legado provocado pelo mega evento esportivo. Obras e projetos estimulados ou financiados mediante recursos destinados a obras para a Copa: a nova estrada de Pipa; acessos e o próprio Aeroporto de São Gonçalo do Amarante; reforma de três hospitais regionais; prolongamento da Prudente; Museu da Rampa; reforma e restauração da Fortaleza dos Reis Magos; Terminal de Passageiros no Porto de Natal; novo Hospital de Trauma de Natal; a nova Roberto Freire; Pró-Transporte; Arena das Dunas, qualificação de mão de obra (Pronatec); e investimento de R$ 80 milhões em equipamentos para Segurança Pública.
Números da Arena
– Capacidade durante a Copa: 42 mil espectadores; pós-Copa: 32.375 miil espectadores;
– 24 concessões de alimentos e bebidas;
– Áreas para escritórios e áreas comerciais;
– Estacionamento para 2.700 vagas (sendo 500 internas);
– Espaço lounge Bossa Nova para eventos exclusivos;
– Lounge VIP com espaço para restaurante, loja e eventos;
– 38 camarotes com banheiros exclusivos;
– Espaço VIP com assentos exclusivos e lounges de hospitalidade;
– Dois placares eletrônicos;
– Sistema de sonorização em todo o Estádio;
– Modernos e práticos sistema de bilhetagem;
– Amplos vestiários e moderno centro de mídia e TV;
– Praça externa de 22 mil m2, apta a shows e eventos de médio porte;
– Sala de conferência;
– Centro de controle e comando de segurança com sistema de monitoragem de vídeo;
– Entrada de público com controle de acesso
– Elevadores;
– 30 modernos banheiros convencionais e para portadores de deficiência.   

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.