Tem Festival Internacional de Cinema Infantil – FICI neste final de semana no Cinemark

Entrada ao custo de R$ 12 para todos com sessões no sábado (04) e domingo (05) que contará com presença de diretor chileno

Cinema para a criançada!  Iniciou em Natal a 15ª edição do Festival Internacional de Cinema Infantil – FICI e segue até o dia 12 de novembro com uma programação variada e com ações voltadas para todas as idades. Com curtas e longas, brasileiros e internacionais, o FICI ocupa as salas do Cinemark com sessões ao custo de R$12 para todos.

Amanhã (04), a partir das 10h30, acontece a festa de abertura do Festival no saguão e nas salas do Cinemark do Midway Mall. Entre os filmes para a programação do sábado, até às 18h30, estão: Por Meus Bigodes; A Professora de Música; O Reino dos Sapos; Pat & Mat; Mary Poppins; Detetives do Prédio Azul; Peixonauta e Minha Vida de Abobrinha.

No domingo (05), o FICI também começa às 10h30 e segue até às 18h30. Confira a programação: Pat & Mat; O Poderoso Chefinho; Moana – Um Mar de Aventuras; Por Meus Bigodes; Trolls; Do Meu Tamanho; Curtas Mexicanos; Pequenos que nem você; Anima Mundi; Minha Vida de Abobrinha; Um Cavalo Chamado Elefante; Os Comedores de Meia; Kai e a Sessão Telecine com Louis & Luca.

Na sessão do filme “Um Cavalo chamado Elefante”, às 15h30 do domingo, o público terá a companhia do chileno Andrés Waissbluth, diretor do filme. Além da presença de Waissbluth, a sessão tem o diferencial de ser parte da programação deDublagem ao Vivo do FICI 2017, que exibe os filmes em sua língua original ao mesmo tempo em que a dublagem é feita por profissionais, em tempo real, dentro da sala de exibição. Confira programação completa do FICI em Natal no  http://www.festivaldecinemainfantil.com.br/2017/natal/

E, a partir da segunda-feira (06), o FICI realiza, pela primeira vez em Natal, o Fórum Pensar a Infância que chega acompanhado de uma grande notícia. O Ministério da Cultura (MinC) irá anunciar na abertura do evento, o lançamento de umedital audiovisual inédito destinado à produções infanto-juvenis. Os detalhes serão anunciados por João Batista Silva, Secretário do Audiovisual (SAv).

O FICI conta com o patrocínio do Ministério da Cultura, BNDES, Petrobras, Cinemark, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura do Rio de Janeiro, Prefeitura do Natal, Lei Djalma Maranhão de Incentivo à Cultura, Unimed Natalapoio institucional da UFRN, apoio do Telecine, Globo Filmes, TV Brasil, Afinal Filmes.

·         Sobre o Fórum Pensar a Infância

 

A programação completa do Fórum está recheada de temas relevantes ao mercado audiovisual infantil.  De 7 a 9 de novembro, haverá sessões diárias de debates, master-classes e encontros com especialistas na UFRN. A novidade são os Stand Up Content, séries de conferências que reúnem profissionais e especialistas para estimularem experiências e pensamentos sobre o audiovisual infantil.

No dia 7, a programação inicia às 10h com o debate ‘Metodologias do ensinar: as possibilidades dentro e fora de sala de aula’, com a participação de Lilia Levy, de A Tela na Sala de Aula, do FICI (RJ), Milene Figueiredo, do  CiNEI/UFRN (RN); Gabriel Junqueira, do  Programa de  Alfabetização pelo Audiovisual (RS), e mediação de Irene Paiva, da Universidade Federal do Rio Grande do  Norte.

Na sequência, às 12h, o cineasta cearense Duarte Dias apresenta a primeira parte do Stand Up Content ‘O tempo, o espaço e a realização: O cinema do Nordeste’. Às 14h, o diretor e roteirista chileno Andrés Waissbluth, de ‘Um Cavalo Chamado Elefante’, compartilhará suas experiências de sucesso na direção de filmes para a infância, no master class ‘Direção: Particularidades de um filme infantil’.

Ao final do primeiro dia, os participantes se reúnem para debater ‘Acessibilidade: o audiovisual para todos’, com Carla Mauch, diretora da OSCIP Mais Diferenças (SP); Sidney Shames, diretor do Festival Cinema Acessível – edição KIDS (RS) e Jefersson Fernandes, da UFRN (RN).

No segundo dia do Fórum (8), o debate dará luz ao tema ‘A criança e o seu olhar na produção de conteúdo’, com a presença de Cecília Amado, da produtora Cinema e Sal (BA); Luciana Bezerra, do Nós do Morro (RJ); Fabiana Barbosa,  da Fundação Casa Grande – Memorial do Homem do Kariri (CE), mediado por  Marcilio Amorim, do  Playground Natal – (RN).

Ás 10h, o cineasta paraibano Paulo Caldas, dará sequência ao Stand Up Content, iniciado no dia anterior e, no período da tarde (às 14h), Nara Aragão, da Porto Digital, apresenta a master class ‘Inovação e competitividade, a tecnologia a favor do audiovisual para infância’. Para fechar o dia, Duca Rios, da produtora Origem (BA); Mariana Medina, da NUCA (CE) e Alisson Ricardo Da Costa Pereira, da VIU Filmes (PE) ser reúnem para debater o tema ‘Nordeste Animado: a produção audiovisual em animação’.

O terceiro e último dia (9) do Fórum inicia com o debate ‘Audiovidisual e Educação na contemporaneidade: entreter,informar e educar’, com a participação de Siliva Helena Cruz , da UFC (CE); Mariangela Momo , da UFRN (RN); Monica Fantin, da UFSC (SC) e mediação de Gilmar Santana,  da UFRN (RN).

A cineasta baiana Ceci Alves encerra a programação de Stand Up Content, no  período da manhã. Na sequência, às 14h, o diretor e roteirista pernambucano João Falcão apresenta o master class ‘Criação: as linguagens do Imaginar’. O encerramento, à 16h20, terá um encontro especial com Vilma Guimarães, gerente geral de educação e implementação da Fundação Roberto Marinho, que compartilhará sua experiência de anos a frente do Telecurso no painel ‘A formação do olhar: a importância do audiovisual para a infância’.

 

Serviço:
Abertura Fórum Pensar a Infância
 e Prêmio Brasil de Cinema Infantil 
                Abertura  – Dia 06 de novembro às 19h

Cinemark Midway Mall Shopping
Av. 
Bernardo Vieira, 3775 – Tirol, Natal (RN)

Palestras  –  De 07 a 09 de novembro das 10h às 18h
Auditório do Centro de Educação – UFRN

Categories: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »