Secretaria de Turismo do Estado do Rio de Janeiro e Caçula assinam convênio para beneficiar artesãos fluminenses

Profissionais cadastrados no Programa do Artesanato terão descontos para comprar insumos nas lojas da rede

O Programa de Artesanato, coordenado pela secretaria de estado de Turismo do Rio de Janeiro, deu mais um importante passo para o desenvolvimento da atividade. A Setur-RJ e a rede de lojas “Caçula” assinaram, nesta segunda-feira (22), um convênio de trabalho e apoio entre as duas instituições, visando o fortalecimento do setor artesanal.

O convênio foi firmado através de um chamamento público feito pela Setur, publicado em Diário Oficial. A subsecretária de Turismo e coordenadora do Programa, Nea Mariozz, destacou a entrega da Carteira Nacional do Artesão/Trabalhador Manual, como uma das maiores conquistas dessa assinatura.

– A nossa participação na 9ª Rio Artes Manuais deu início à nossa parceria com a Caçula. No entanto, esse laço precisava ser firmado para que os dois lados pudessem trabalhar juntos para atender aos artesãos. Hoje, o material que confecciona as carteiras é dado pela empresa – comemorou Nea.

O documento firmado garante benefícios aos artesãos como, por exemplo, desconto de atacadista nas lojas da rede, apoio na realização de oficinas, workshops, fóruns e seminários e na participação do Programa em feiras voltadas para a atividade. O secretário de estado de Turismo, Nilo Sergio Felix, destacou o acontecimento como uma maneira de driblar a crise e continuar o trabalho de fomento ao artesanato.

– Infelizmente, com o atual cenário econômico do Estado, muitos programas e projetos, que estavam andando a passos largos, tiveram que retardar um pouco sua execução. A nossa alternativa foi buscar grandes parceiros, como a Caçula, para continuar trabalhando para o desenvolvimento da classe. – explicou o secretário.

Nilo Sergio assinou o documento junto ao sócio-fundador da Caçula, Sebastião Castro, que ressaltou as vantagens que esta parceria trará a vida dos artífices.

– É um momento muito simbólico para a Caçula. Mais um passo que damos para fomentar o empreendedorismo no segmento de artesanato. Um trabalho conjunto que vai impactar a vida e a produtividade dos artesãos do estado do Rio de Janeiro, aumentando suas oportunidades nos mercados de turismo e eventos e, consequentemente, contribuindo para movimentar a economia -disse Sebastião.

Na opinião de Roberto Santos, gerente de projetos especiais da Caçula e responsável pela área de artesanato, o convênio representa um reconhecimento da importância do artesão para a economia.

– A Carteira Nacional do Artesão é a identidade profissional do trabalhador das artes manuais, um documento que o valoriza como cidadão e protagonista na cadeia produtiva deste segmento – acredita o executivo.

Categories: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »