Primeiro resort do grupo Vila Galé na praia de Touros,no Rio Grande do Norte tem previsão de inauguração em setembro /2018

O governador Robinson Faria e o presidente do grupo português Vila Galé, Jorge Rebelo de Almeida, confirmaram neste sábado (4) a construção do primeiro resort all inclusive do Rio Grande do Norte, o maior do estado. Em uma solenidade realizada na praia de Perobas, em Touros, foi lançada a pedra fundamental que marcou o início das obras. O resort gerará 350 empregos diretos e 1000 indiretos, e terá investimentos da ordem de R$ 100 milhões. A inauguração está prevista para setembro de 2018.

O evento contou com a presença do presidente da ABAV-RN, Abdon Costa, do vice presidente do Natal Convention, George Costa e da secretária de turismo de Natal, Christiane Alecrim, entre outros do turismo, ex prefeitos de Touros , convidados e imprensa.

A licença ambiental para a construção do resort foi emitida, com celeridade, pelo Governo do RN, em novembro de 2016, após visitas e estudos técnicos por parte do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema). O Rio Grande do Norte foi escolhido pelo grupo para sediar o resort em virtude da localização geográfica, que permite acesso rápido em voos diretos da Europa para a capital, além da segurança jurídica proporcionada pelo Poder Executivo e pela segurança para abrigar novos investimentos. Dessa forma, o novo empreendimento significa mais fomento à cadeia turística e geração de emprego e renda para os potiguares.

O governador Robinson Faria disse que, dentre as ações do governo para garantir mais esse investimento para o RN, dois se destacam. “O trabalho do Idema foi e tem sido essencial para garantir que novos grupos possam se instalar aqui. No caso do Vila Galé, tivemos que vencer a burocracia de forma ágil, mas dentro da legalidade, para não perder uma obra de importância turística como essa. Outro ponto foi a nossa ação de governo de desonerou o ICMS incidente sobre o querosene de aviação e permitiu que captássemos mais novos voos nacionais e internacionais, assim como o ICMS zero para voos chater e fretados, colocando o RN de volta no cenário dos destinos mais procurados”, lembrou.

O secretário de Turismo do RN, Ruy Gaspar, também falou sobre a importância para a economia de um empreendimento como o do Vila Galé. “Nos dá orgulho ver que mais um grupo importante investiu e apostou no RN como potência turística. Nos orgulha ver um empreendimento desse porte aqui. Não tenho dúvidas que o turismo aqui vai crescer muito, como foi em São Miguel do Gostoso. Uma obra desse tamanho acaba gerando, sem dúvidas, desenvolvimento de toda uma região”, projetou.

O presidente do Vila Galé, Jorge Rebelo de Almeida, enfatizou a escolha da praia de Perobas para a instalação do resort. “A melhor resposta que podemos dar para isso é olhar para esta natureza. A partir daí passamos a pensar em um empreendimento para este local, mas também por acreditar no tremendo potencial turístico que o Rio Grande do Norte tem a ser explorado. Trabalhamos muito duro para tornar mais esse hotel uma realidade por isso quisemos fazer todo o processo com muito estudo e com cautelas ambientais”, declarou.

 

Washington Dantas, da assessoria do deputado Rogério Marinho, Abdon Gosson, presidente da ABAV-RN, secretário de turismo do RN, Ruy Gaspar e a secretária de turismo de Natal, Christiane Alecrim

 

 

Abdon Gosson, presidente da ABAV-RN, Jorge Rebelo, presidente do grupo Vila Gale, Christiane Alecrim, secretária de turismo de Natal, José Bastos, diretor de operações do grupo Vila Gale no Brasil, e o vice presidente do Natal Convention, George Costa

Idema

Ainda no pronunciamento, Jorge Rebelo enfatizou a participação do Idema durante o processo para que o resort pudesse se instalar no estado respeitando todas as etapas das políticas ambientais.

O governador Robinson Faria citou que a atuação do Idema não apenas nessa ação como desde o início de 2015 tem desburocratizado e acelerado os processos de licença ambiental. “Antes o Idema era um órgão muito complicado, lento. O que quisemos fazer desde o início da nossa gestão, e apostando em um corpo técnico qualificado, foi agilizar os trabalhos e evitar que a lentidão nos fizesse perder iniciativas importantes”, disse.

Nos últimos dois anos, o Idema liberou outros importantes empreendimentos para o setor turístico, como a empresa Dragmor Brasil que construirá o Complexo Turístico Eco Estrela, em Baía Formosa. Para esse empreendimento deverão ser investidos cerca de 2 bilhões de reais nos próximos 20 anos.

Outro investimento  foi o do Condomínio Bosque da Praia que conta com investimento de R$ 30 milhões e será construído na Praia de Jacumã. O bosque da Praia terá 197 lotes e deverá gerar cerca de 400 empregos diretos e indiretos ao longo de três anos.

Nos últimos dois anos, foram emitidas mais de seis mil licenças ambientais pelo Idema. Para loteamentos e condomínios, o Instituto emitiu 113 licenças no mesmo período.

 

GRUPO VILA GALÉ

O novo resort, que deverá ser o maior do estado, terá 514 quartos, três restaurantes, spa de padrão internacional, centro de convenções de 1.750 m² e um Clube Nep, voltado para as crianças, piscinas e quadras multiusos.

Está será a 8a unidade do grupo no Brasil. Ao todo, o grupo possui 27 hotéis, sendo 20 deles em Portugal e sete no Brasil.

O Vila Galé é um dos principais grupos hoteleiros portugueses e integra o ranking das 207 maiores empresas hoteleiras do mundo.

Categories: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »