Pernambuco celebra a parceria com Portugal comemorando os 50 anos do voo TAP Recife – Lisboa

Para marcar a data foi inaugurada uma placa comemorativa, que ficará no Aeroporto do Recife, e lançado um selo exclusivo dos Correios, no Palácio do Campo das Princesas

 

Meio século da história da aviação de Pernambuco representa a união entre o Estado e a Europa. Há exatos 50 anos, Recife ganhou sua primeira ligação internacional direta, partindo do Aeroporto Internacional do Recife, com destino a Lisboa, em Portugal. Hoje, o voo Recife – Lisboa é operado diariamente através da aeronave é A330 da TAP, que conta com 263 assentos e registra uma taxa média de ocupação de 81%. Os 50 anos do voo chegam com motivos extras de comemorações, sobretudo para o turismo de Pernambuco. Em 2017, até o final do mês de fevereiro, as reservas de viagens para o Recife através da TAP, entre abril e outubro, já representam um incremento de 144%, em relação ao mesmo período de 2016. A companhia inclusive já prevê reforço com mais um voo semanal durante o próximo verão.

“Desde o lançamento em 1967, o voo Recife – Lisboa teve grande impacto na relação entre os dois países. Prova disso é o incremento no desembarque de turistas em Pernambuco. Em 2016, 13,2 mil turistas portugueses desembarcaram no portão internacional do Aeroporto do Recife”, aponta o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras.  Para comemorar os 50 anos dessa parceria de sucesso, o Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer, por meio da Empetur, e em parceria com a Prefeitura do Recife, realizou, nesta quarta-feira (19), na Sala das Bandeiras, no Palácio do Campo das Princesas, um grande evento comemorativo.

“O aniversário de 50 anos do voo Recife-Lisboa é um marco importante para o turismo e a economia do nosso Estado. Durante todo esse tempo, tivemos a oportunidade de receber muitos visitantes que puderam conhecer mais da nossa cultura, dos nossos costumes, das nossas belezas naturais e, principalmente, do nosso povo, que sabe receber muito bem. Mais do que um voo, essa conexão nos liga com referências que foram fundamentais para a formação de nossa sociedade atual. Esperamos contar com mais 50, 100, 150 anos com esse destino que aproxima ainda mais os pernambucanos de Portugal e da Europa”, pontua o Governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

A cerimônia para comemorar os 50 anos do voo Recife-Lisboa contou com a presença do vice-presidência de marketing, comércio digital e comunicação da TAP, Abílio Martins e do Diretor Geral da Companhia para América do Sul, Mário Carvalho. “O Recife historicamente foi sempre uma rota muito importante para a TAP, com uma grande regularidade de tráfego e bons indicadores de load factor (voos com boa ocupação). Esse ano verificamos uma tendência de crescimento em todas as rotas da TAP para o Brasil, sendo Recife um dos destaques, o que nos motiva a anunciar que, entre junho e outubro, os voos para Recife passam a ser diários, afirma Mario Carvalho.

Durante o evento, o governador, Paulo Câmara, e o secretário, Felipe Carreras, fizeram o descerramento da placa em bronze de homenagem que ficará no Aeroporto Internacional do Recife. Também foi apresentado o selo dos Correios comemorativo dos 50 anos da ligação entre os destinos. Além disso, foram homenageadas personalidades do Estado que contribuíram para o fomento do voo da TAP. Nomes como João Carlos Paes Mendonça, do Grupo JCPM, Alberto Ferreira da Costa, o Provedor do Real Hospital Português, e Armênio Dias, do Restaurante Leite,  estão na lista dos agraciados.

“O voo entre Recife e Lisboa, já consolidado como uma das principais conexões entre o Brasil e a Europa, não é apenas mais uma conexão entre duas cidades. Nos últimos 50 anos, a ponte aérea carrega o legado de uma das mais antigas rotas entre o Brasil e Portugal, reaproximando culturas e histórias irmãs”, comenta o Prefeito do Recife, Geraldo Júlio.

Durante o mês de abril, os passageiros de todos os voos operados TAP vão conferir uma matéria de capa da revista de bordo da companhia, a UP, com 36 páginas sobre os destinos turísticos, a gastronomia, cultura e os encantos de Pernambuco com impacto médio de 1 milhão de passageiros/mês. Também em abril, será veiculado o vídeo institucional do turismo de Pernambuco nos voos da TAP. O vídeo mostra os destinos turísticos pernambucanos.

“Há 50 anos, o Recife se tornou uma das mais importantes portas de entrada do Brasil quando a TAP inaugurou o voo entre Recife e a capital portuguesa.  Só em 2016, mais de 6.8 milhões de passageiros desembarcaram no Aeroporto do Recife e grande parte deles voaram pela companhia. A empresa representa em torno de 40% dos assentos disponíveis para voos internacionais o que demonstra a sua importância para a movimentação turística no Recife e no Estado”, afirma a secretária de Turismo, Esportes e Lazer do Recife, Ana Paula Vilaça.

VOO INAUGURAL TAP – 19 DE ABRIL DE 1967 – O voo inaugural Lisboa-Recife teve um grande impacto na relação de proximidade entre Portugal e o Brasil, que, desde 1960, vinha já a ser reforçada com o “Voo da Amizade”, entre Lisboa e o Rio de Janeiro. Hoje, a TAP voa para 10 destinos no Brasil, chegando a operar mais de 70 frequências semanais para este país. 

Categories: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »