EMBRATUR APRESENTA FERRAMENTAS PARA FORTALECIMENTO DO SEGMENTO MICE

O trabalho de promoção do Brasil no exterior e da captação de grandes eventos internacionais do Instituto foram divulgados a empresários do setor de Santa Catarina

O fortalecimento do segmento MICE (Meetings, Incentives, Conferences and Exhibitions) foi pauta do III Seminário MICE SC, realizado na última semana, em Joinville (SC). A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) foi representada no evento pela assessora da Presidência Kátia Bitencourt, que este ano comemorou, também, o aniversário de 20 anos do Joinville e Região Convention & Visitors Bureau.

“O encontro proporcionou, principalmente, a troca de experiências sobre tendências e organização de eventos no segmento turístico. Além disso, reforçou a importância do MICE, um dos principais focos da Embratur. O turismo de negócios e eventos é um dos que mais crescem no mundo e movimenta, anualmente, cerca de 30 bilhões de dólares na economia mundial”, explicou Kátia.

A assessora da Embratur palestrou sobre “Inovação e Criatividade no Turismo”. Kátia, além de destacar os recordes do turismo no Brasil, como a chegada de 6,6 milhões de visitantes internacionais e o sucesso dos grandes eventos realizados no País nos últimos anos (Copa do Mundo e Jogos Olímpicos e Paralímpicos), apresentou ações e programas do Instituto voltados para o segmento MICE, como a participação em feiras e ferramentas de marketing desenvolvidas para o setor.

“Desde 2004, a Embratur investe no Programa de Apoio à Captação e Promoção de Eventos Internacionais, com o intuito de sensibilizar e mobilizar a cadeia produtiva do turismo MICE para consolidar o Brasil como um destino de encontros e eventos internacionais. Essa estratégia traz muita visibilidade para o nosso País, já que permite apresentar aos realizadores de eventos em todo o mundo a infraestrutura e serviços disponíveis, em mais de 40 cidades brasileiras, para a realização de seus eventos, que contam com a participação de um público especializado, grande formador de opinião”, disse Kátia Bitencourt. De acordo com a assessora, eventos dessa natureza, “captados em parceria com os conventions bureaux trazem grandes retornos à economia do País, já que o gasto médio dos turistas MICE é quatro vezes superior aos turistas de lazer e que esses visitantes expressam a intenção de retornar ao Brasil e de indicar o país como destino de férias para seus amigos e parentes”, completou.

Representando o presidente do Instituto, Vinicius Lummertz, que gravou um vídeo para destacar a importância do turismo de eventos para o estado de Santa Catarina, Kátia falou das ferramentas digitais utilizadas pela Embratur para disseminação de conteúdos voltados para o público MICE. Ela apresentou o site voltado exclusivamente para o segmento. A plataforma está hospedada no portal Visit Brasil (www.visitbrasil.com/mice) e é uma fonte de informações para empresas, instituições e turistas que pretendem visitar o País a negócios.

“Inovação e criatividade fazem parte do nosso dia a dia. É necessário e urgente que as empresas públicas e privadas estejam atentas aos seus clientes e trabalhem com conteúdo relevante por meio de suas ferramentas digitais, em particular no setor de turismo, já que a velocidade das mudanças na forma de se relacionar, se comunicar e organizar viagens, entre as pessoas e no mundo dos negócios, é a cada dia maior”, afirmou a assessora.

Além disso, destacou ainda a importância das mudanças previstas no Programa Brasil + Turismo, lançado em abril deste ano pelo Ministério do Turismo, para o crescimento do setor e da economia como um todo. Kátia Bitencourt mostrou a necessidade da aprovação do projeto de lei que propõe, entre várias mudanças, a transformação da Embratur em serviço social autônomo. “A transformação é necessária para que tenhamos mais acesso a recursos que serão usados em divulgação e promoção do nosso País junto aos mercados de todo o mundo. Com a agência poderemos fazer convênios com outros órgãos, acessar recurso de outras fontes, fazer parcerias com a iniciativa privada”, explicou.

O seminário, que contou com a participação de autoridades, empresários e representantes de entidades ligados ao setor de turismo, muitos deles associados a Conventions & Visitors Bureaux no estado, teve como objetivo apresentar experiências bem-sucedidas neste segmento, bem como discutir estratégias para que as cidades catarinenses obtenham melhores resultados na captação e realização de eventos corporativos, associativos e empresariais.

O evento foi promovido pela Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, por meio do Grupo de Trabalho (GT) de Turismo, Negócios e Eventos e corealizado pelo Santa Catarina Convention & Visitors Bureau e Joinville e Região Convention & Visitors Bureau. A Embratur foi convidada por Jô Cintra, dos Conselhos Estadual e Municipal de Turismo de SC, e Rosi Dedekind, presidente do Joinville e Região Convention & Visitors e vice-presidente da Unedestinos.

Categories: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »