Demanda global por viagens aéreas cresce 7,6% em 2017

A demanda global por viagens aéreas domésticas e internacionais registrou crescimento de 7,6% em 2017, em relação ao ano anterior. De acordo com a Associação Internacional do Transporte Aéreo (IATA, na sigla em inglês), esse resultado ficou acima da média de crescimento anual dos últimos 10 anos, de 5,5%. A oferta de assentos nos aviões aumentou 6,3% na comparação anual. Já o aproveitamento das aeronaves teve alta de 0,9 ponto percentual, para 81,4%, resultado histórico.

“O ano de 2017 teve um início muito forte, que manteve-se ao longo do ano sustentado pela melhoria das condições econômicas. Embora as perspectivas permaneçam favoráveis para 2018, o aumento de insumos, principalmente do combustível, sugere que é pouco provável que teremos o mesmo grau de estímulo da demanda impulsionado pelas tarifas baixas, como aconteceu no primeiro semestre de 2017”, afirma o diretor-geral e CEO da IATA, Alexandre de Juniac.

O crescimento da demanda apenas em dezembro ficou em 6,2%, em relação ao mesmo mês de 2016. A oferta teve expansão de 5,8% na mesma base de comparação. Com isso, a taxa de ocupação dos aviões ficou em 80,7%, com variação positiva de 0,3 ponto percentual.

Brasil

O mercado doméstico brasileiro cresceu 3,5% no ano passado, em comparação com 2016. A oferta teve aumento num ritmo menor, de 1,7%. O aproveitamento dos aviões se situou em 78,6%, alta de 1,7 ponto percentual. Apenas em dezembro, a demanda por voos domésticos aumentou 5,4% em relação a igual período de 2016, com crescimento de 3,3% na oferta e taxa de ocupação dos aviões de 83%, avanço de 1,7 ponto percentual.

No dia 23 de janeiro, a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) divulgou os dados operacionais específicos de suas associadas (AVIANCA, AZUL, GOL e LATAM) em dezembro de 2017, com os resultados consolidados do ano.

Fonte: Abear

Categories: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »