Brasil lidera ranking de destinos preferidos pelos chilenos na hora de viajar

O ano de 2017 foi positivo para a indústria de viagens no Chile. De acordo com a Junta da Aeronáutica Civil, entre janeiro e outubro as viagens aéreas internacionais do e para o Chile aumentaram 16,4%, registrando o maior crescimento para o período desde 2012.

Com esses dados em mãos, a Amadeus, provedor líder em soluções tecnológicas para o setor global de turismo e viagens, revelou quais foram os destinos internacionais que tiveram, em 2017, o maior crescimento nas reservas feitas por viajantes chilenos, bem como os países que mais aumentaram o tráfego de turistas que viajam para o Chile.

De acordo com os dados coletados pela empresa, o top 5 dos destinos com maior crescimento nas reservas é liderado pelo Brasil, com um aumento de 45% em relação ao ano passado. O segundo país do ranking é a Espanha, que teve um crescimento de 30%, seguida pela França, com 24%, e por Colômbia e Argentina, que tiveram um aumento de 19% e 14%, respectivamente, em relação às reservas realizadas em 2016.

“O Brasil é hoje um dos destinos preferidos dos chilenos, dados a proximidade, o clima e a grande variedade de praias e panoramas que oferece”, afirmou Mauricio Bernabó, Country Manager da Amadeus no Chile.

“Por outro lado, a Espanha é procurada por muitos viajantes por ser uma porta de entrada para os chilenos ao Velho Continente, devido à sua alta conectividade aérea, à facilidade com o idioma e à sua oferta turística, gastronômica e cultural. Além disso, a Espanha está vivendo um aumento no número de turistas em comparação com o restante da Europa. De acordo com um artigo recentemente publicado pela Europa Press, viagens de longa distância para a Europa beneficiaram claramente a Espanha neste verão, ocasionando um aumento de 10% nas entradas de visitantes, face à queda global de 0,9% nos principais meses (julho e agosto), que afetou seus principais concorrentes enfraquecidos por problemas de segurança e terrorismo”, acrescentou o executivo.

Outra categoria analisada pela Amadeus foi o crescimento das reservas de turistas que chegam ao Chile.

Nesse contexto, os uruguaios lideram o pódio com um surpreendente aumento de 77% nas reservas para o país em comparação com 2016. São seguidos pelos argentinos (37%), australianos (30%), colombianos (25%) e brasileiros (21%).

“A irrupção das low cost possibilitou que mais viajantes estrangeiros possam escolher o Chile como destino de férias. Este é o caso do Uruguai, onde os viajantes estão aproveitando as novas rotas que ligam Montevidéu a Santiago por preços nunca vistos antes”, comentou Bernabó.

Projeções para 2018

Para o próximo ano, o top 5 de destinos que, de acordo com a projeção da Amadeus, irão experimentar um crescimento nas reservas aéreas feitas no Chile são: Brasil, com 84%; Colômbia, com 41%; Espanha, com 37%; Argentina, com 26%; e Estados Unidos, com 18%.

No caso das reservas de viajantes estrangeiros para o Chile, a Amadeus espera que o Brasil passe a liderar o ranking, com um crescimento de 75%, seguido pela Colômbia (73%), Reino Unido (44%), Austrália (37%) e Argentina (25%).

Como ator relevante do setor de turismo e viagens, a Amadeus oferece soluções tecnológicas que facilitam o trabalho das Organizações de Marketing de Destinos Turísticos (DMOs), oferecendo um diagnóstico da situação atual de um destino, de seus concorrentes e mercados-alvo, das intenções de compra, do número de passageiros, da duração da estadia e da média de gastos, bem como dos aspectos relacionados à infraestrutura, como a oferta aérea, a conectividade interna, a hospedagem e a hospitalidade.

“No mês passado, assinamos um acordo com a agência governamental para a promoção do turismo na Colômbia, a Procolombia, para que ela tivesse acesso à nossa solução de Business Intelligence e para ajudá-la a conhecer melhor os viajantes que visitam o país. Também fizemos o mesmo com o Ministério do Turismo do Equador, que adotou a nossa solução Travel Audience para atrair mais viajantes ao país”, acrescentou Bernabó.

Sobre a Amadeus

A Amadeus fornece avançadas soluções para a indústria de viagens.  Entre os clientes da empresa estão fornecedores (companhias aéreas, hotéis, companhias ferroviárias, linhas de ferry etc), distribuidores de produtos turísticos (agências e portais de viagens) e compradores de viagens (empresas e companhias de gestão de viagens).

A Amadeus é uma empresa de referência na prestação de soluções tecnológicas avançadas, em escala mundial, para o setor das viagens.

Entre os clientes da empresa estão fornecedores (companhias aéreas, hotéis, companhias ferroviárias, linhas de ferry etc), distribuidores de produtos turísticos (agências e portais de viagens) e compradores de viagens (empresas e companhias de gestão de viagens).

O grupo Amadeus conta com mais de 14 mil funcionários em todo o mundo, espalhados pelas sedes de Madri (escritório central), Nice (desenvolvimento) e Erding (operações), assim como 71 organizações comerciais (ACOs, Amadeus Commercial Organizations).

O grupo aplica um modelo de negócios baseado no processamento de transações.

A Amadeus está listada na bolsa espanhola com o símbolo AMS.MC e faz parte do índice IBEX 35.

Para mais informações sobre a Amadeus, visite www.amadeus.com.

Categories: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »