Air China se tornará a primeira escolha de passageiros internacionais para cruzar fronteiras

Política de isenção de visto de trânsito por 144 horas na região Pequim-Tianjin-Hebei
– Em uma recente conferência à imprensa, o Governo Municipal de Pequim anunciou que, até 28 de dezembro de 2017, seis pontos de chegada na região de Pequim-Tianjin-Hebei, incluindo o Aeroporto Internacional de Pequim Capital, o Aeroporto Internacional Tianjin Binhai e o Aeroporto Internacional Shijiazhuang permitirão que estrangeiros de 53 países, incluindo a Áustria, desfrutem de um tratamento com isenção de visto por um período de 144 horas quando tiverem uma passagem como voo de conexão válida para um terceiro país (ou região).

Logo – https://mma.prnewswire.com/media/458020/Air_China_Logo.jpg

Essa política será um sólido motivador para a indústria do turismo e aviação em toda a região de Pequim-Tianjin-Hebei. A Air China Limited (“Air China”) facilitará ativamente a nova política de trânsito com isenção de visto. Colocando as necessidades dos passageiros em voos de conexão em primeiro lugar, a Air China aprimorará seus produtos e serviços para melhorar ainda mais a qualidade de suas operações e proporcionar aos passageiros a máxima conveniência ao entrarem em Pequim.

A Air China possui uma sólida rede de rotas e é a ideal para os passageiros que cruzam a fronteira para Pequim.

Atualmente, a Air China possui mais de 420 rotas, das quais 101 são internacionais, com 16 rotas regionais, e conexões a 185 cidades em 40 países e regiões, cobrindo seis continentes. Nós proporcionamos aos passageiros mais de 1,66 milhão de assentos em 8.500 rotas a cada semana. Além disso, a rede de rotas da Air China se estende a 1.330 destinos em 192 países por meio da Star Alliance. Nossa impressionante rede de rotas cumpre as necessidades da maioria dos passageiros estrangeiros. A política de isenção de visto por 144 horas por meio dos aeroportos de Pequim, Tianjin e Shijiazhuang vai satisfazer as necessidades do turismo de países do terceiro mundo.

A Air China também aprimorará a capacidade do hub de conexão em Pequim e otimizará a conexão para os passageiros com isenção de visto.

A introdução de uma política de trânsito com isenção de visto por 144 horas também aumentará o número de passageiros que chegam à região de Pequim-Tianjin-Hebei. A Air China também usará essa oportunidade para fazer ajustes com base na demanda de trânsito e proporcionará aos passageiros um suporte de trânsito suave por Pequim a fim de que passageiros de todo o mundo possam ter uma entrada com isenção de vistos em Pequim sem percalços. Além disso, a Air China também lançará produtos especiais de turismo para satisfazer às necessidades dos passageiros em parceria com agências de viagem de Pequim, além de lançar uma série de produtos relacionados a fim de convidar os passageiros a embarcar em uma jornada para descobrir a beleza da Chinatrazendo, ao mesmo tempo, uma experiência de serviço inigualável aos passageiros.

O Comitê de Turismo de Pequim, a Star Alliance e o Aeroporto Capital proporcionarão, em conjunto, mais conveniência aos passageiros

No início de 2017, a Air China, o Comitê de Turismo de Pequim e a Capital Airport Company Limited assinaram um Contrato de Cooperação Estratégia de Promoções Conjuntas em Mercados de Turismo Receptor a fim de prover uma comunicação regular e prepararem-se para o lançamento da política de trânsito com isenção de visto por 144 horas. A Air china novamente use forças com a Star Alliance e o Aeroporto Internacional de Pequim Capital para assinar o Memorando de Entendimento (MOU) “Under One Roof [“Sob o mesmo teto”]” em dezembro de 2017. As três partes concordaram em colaborar de perto para aprimorar o Aeroporto Internacional de Pequim Capital, tornando-o um aeroporto hub de nível internacional, realizado melhorias notáveis à experiência do passageiro, proporcionando-lhes que desfrutem de um nível mais elev ado de conveniência por meio das instalações compartilhadas do aeroporto, procedimentos de conexão otimizados e serviços da aliança aprimorados.

Lista dos países elegíveis à política de isenção de visto de trânsito por 144 horas na região de Pequim-Tianjin-Hebei (53 no total)

Áustria, Bélgica, República Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça, Rússia, Reino Unido, Irlanda, Chipre, Bulgária, Romênia, Ucrânia, Sérvia, Croácia, Bósnia e HerzegovinaMontenegro, Macedônia, Albânia, Mônaco, Bielorrússia, Estados Unidos, Canadá, Brasil, México, ArgentinaChile, Austrália, Nova Zelândia, Coreia do Sul, Japão, Cingapura, Brunei, Emirados Árabe s Unidos e Catar.

Sobre a Air China

A Air China é a única transportadora nacional da China e é membro da Star Alliance.

No final de dezembro de 2017 (estações de inverno e verão), a Air China (incluindo a Shenzhen Airlines, Macau Airlines, Dalian Airlines, Inner Mongolia Airlines, Beijing Airlines e Air China Cargo) possui um total de 590 aeronaves Boeing e Airbus. O número de rotas de passageiros operadas atingiu um total de 420, incluindo 101 rotas internacionais, 16 rotas regionais, 303 rotas domésticas, 40 países (regiões) de destino e 185 cidades de destino, das quais 66 são internacionais, 3 são regionais e 116 são domésticas. Nós proporcionamos aos passageiros mais de 1,66 milhão de assentos em 8.500 rotas a cada semana.

Os passageiros podem, com rapidez e facilidade, chegar a 1.330 aeroportos em 192 países usando a impressionante rede de rotas globais da Air China, tendo Pequim como seu hub, contando também com o suporte da Star Alliance.

Criado em 1994, o PhoenixMiles é o primeiro programa de passageiro frequente da Ásia, estando presente em várias companhias aéreas.

A Air China está comprometida em proporcionar aos passageiros um serviço seguro, agradável, confortável e inspirador, e com muitos anos de esforço, seu valor de marca tem aumentado ano após ano. Em 2016, a Air China ganhou um lugar na lista das “500 Marcas Mais Valiosas do Mundo” com um valor de marca de mais de 115.689 bilhões de yuanes, sendo a única companhia aérea selecionada pela CAAC.

Para saber mais, acesse o site oficial da Air China www.airchina.com ou ligue para a Central de Atendimento da Air China em 95583.

FONTE Air China

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »